???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4675
Tipo do documento: Dissertação
Título: Will Eisner s The Spirit: o fascínio da imagem na arte sequencial
Autor: Bezerra, Efrem Pedroza 
Primeiro orientador: Ferrara, Lucrécia D'Alessio
Resumo: A presente pesquisa investiga o processo de comunicação nos quadrinhos do Spirit, examinando a imagem na arte sequencial. O corpus de análise do presente trabalho foi reunido a partir das HQs do Spirit, personagem criado por Will Eisner, com edições escolhidas entre as publicações de 1940 a 1952. O objeto de pesquisa é o personagem Spirit, seu processo de criação e evolução dos recursos criados e explorados por Eisner, tais como: a preferência pelo preto e branco, o close up, as splash pages e outros fatores que contribuíram comparativa e associativamente para a construção da comunicação por intermédio da imagem na Nona Arte . A questão norteadora da investigação é: como as histórias em quadrinhos e seu próprio modo de narrar contribuem para a construção de sentidos e cognição na comunicação? Para o desenvolvimento da pesquisa, considera-se a seguinte hipótese: graças a autores que ficam presos a regras e padrões por demanda de mercado, nem todo quadrinho manifesta com veemência seu poder comunicativo. Nessa esfera há aqueles que conseguem encontrar brechas e inovam. Isso justifica a escolha pelo Spirit de Eisner. Diversamente de outros que produziam mais do mesmo, Eisner, construía a arte nos quadrinhos. Dessa forma, seu personagem cria uma operação cognitiva em que o leitor é levado a uma jornada sensorial que contribui para o estímulo da criação de conexões por meio da imagem. O objetivo da pesquisa é investigar o processo de comunicação através da imagem na arte sequencial e a ressonância dessa reflexão em sua prática. Vilém Flusser e a construção teórica da relação entre imagens proverão as principais estratégias metodológicas por meio das modulações narrativas que Einser utiliza nas histórias em quadrinhos do Spirit. A fundamentação teórica se concentra em autores que estudam os elementos visuais complementares à compreensão da arte sequencial como o próprio Will Eisner, Scott Mccloud, Stan Lee e Moacy Cirne; além de autores dedicados à questão da imagem, como Georges Didi-Huberman, Hans Belting, o já citado Vilém Flusser e o semioticista Charles Sanders Peirce
Abstract: This research investigates the communication process in the Spirit comics, examining the image in sequential art. The corpus of analysis of this study was assembled from the Spirit of comics character created by Will Eisner, with chosen among the publications from 1940 to 1952 editions. The object of research is the character Spirit, the process of creation and development of resources created and exploited by Eisner, such as the preference for black and white, close up, the splash pages and other factors that contributed comparative and associatively for the construction of communication through the image in the "Ninth Art". The guiding research question is: how comic books and their own way of narrating contribute to the construction of meaning in communication and cognition? For the development of research, we consider the following hypothesis: thanks to authors who are trapped by rules and standards by market demand, not every comic vehemently expresses its communicative power. In this sphere there are those who can find loopholes and innovate. This justifies the choice by Eisner s Spirit. Diversely other producing more of the same, Eisner, built the art in comics. Thus, your character creates a cognitive operation in which the reader is led to a sensory journey that helps to stimulate the creation of connections through the image. The objective of the research is to investigate the process of communication through the image in sequential art and the resonance of this reflection on their practice. Vilém Flusser and the theoretical construction of the relationship between images will provide the main methodological strategies through narratives modulations Einser uses in the comics of the Spirit. The theoretical framework focuses on authors who study the supplementary understanding of sequential art visual elements such as Will Eisner himself, Scott Mccloud, Stan Lee and Moacy Cirne; in addition of authors dedicated to the question of image, as Georges Didi-Huberman, Hans Belting, the aforementioned Vilém Flusser and semiotician Charles Sanders Peirce
Palavras-chave: Arte sequencial
Imagem
Quadrinhos
Semiótica
Quadrinhos do Spirit
Sequential art
Communication
Image
Comics
Semiotics
Spirit
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Comunicação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação: Bezerra, Efrem Pedroza. Will Eisner s The Spirit: o fascínio da imagem na arte sequencial. 2014. 136 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4675
Data de defesa: 15-Dec-2014
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Efrem Pedroza Bezerra.pdf9,55 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.