???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/21615
Tipo do documento: Dissertação
Título: Capital social em novas organizações políticas da sociedade civil
Autor: Mendonça, Pedro Kelson Batinga de 
Primeiro orientador: Dowbor, Ladislau
Resumo: O presente trabalho buscou estudar três organizações da sociedade civil de São Paulo com incidência política: a Virada Política; Bancada Ativista e a Rede de Ação Política pela Sustentabilidade com o objetivo de analisar como se dão os capitais sociais de cada uma, partindo-se das hipóteses que i) organizações que estão mais no front do debate público tendem a ter modelos de cooperação mais fechados; ii) Estrutura organizacional, modelos de cooperação, pluralidade interna do grupo, propósito e redes de relações com outras organizações são fatores predominantes para o fortalecimento de Capital Social; e iii) As organizações mais verticalizadas tendem a ter vínculos de confiança mais frágeis do que aquelas mais autogeridas. Essas organizações foram escolhidas pois são geridas por jovens e buscam ampliar a participação social na política e qualificar a democracia brasileira. A discussão conceitual foi feita em dois capítulos – o primeiro olha para o contexto social e político que estamos vivendo, com foco na crise global da democracia e nas mudanças de estrutura social geradas pela revolução tecnológica. O segundo para traça um debate entre diversos autores sobre o Capital Social, Tipos de Cooperação e Natureza dos Laços relacionais. A pesquisa foi feita através de um questionário quantitativo enviado para os três diferentes grupos e analisado através de observação participante. Entre outras coisas, a pesquisa mostra que a horizontalidade na gestão dessas organizações tende a ir de encontro com a pluralidade interna de seus membros e que, quanto mais no papel de embate político, mais fechadas elas se tornam
Abstract: The present paper sought to study three civil society organizations in São Paulo with political impact: the Virada Política; Bancada Ativista and Rede de Ação Política pela Sustentabilidade, aiming to analyze how the Social Capital of each one is given, starting from the hypotheses that i) organizations that are more on the front of the public debate tend to have more closed cooperation models ; ii) Organizational structure, cooperation models, internal group plurality, purpose and networks of relations with other organizations are predominant factors for the strengthening of Social Capital; and (iii) more vertical organizations tend to have more fragile trust ties than more self-managed ones. These organizations were chosen because they are managed by young people and seek to broad social participation in politics and qualify Brazilian democracy. The conceptual discussion was made in two chapters – the first looks at the social and political context we are living, focusing on the global crisis of democracy and the changes in social structure caused by the technological revolution. The second presents a debate among several authors on Social Capital, althought Types of Cooperation and Nature of relational Ties. The research was done through a quantitative questionnaire sent to the three different groups and analyzed through participant observation. Among other things, the research shows that the horizontality in the management of these organizations tends to confront the internal plurality of their members and that, as much in the front of political debate, more closed they become
Palavras-chave: Democracia
Capital social
Governança corporativa
Democracy
Capital stock
Corporate governance
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Economia, Administração, Contábeis e Atuariais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração
Citação: Mendonça, Pedro Kelson Batinga de. Capital social em novas organizações políticas da sociedade civil. 2018. 86 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/21615
Data de defesa: 26-Sep-2018
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Pedro Kelson Batinga de Mendonça.pdf1,59 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.