???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16013
Tipo do documento: Dissertação
Título: O ensino de discriminações condicionais para idosos com comprometimento cognitivo
Autor: Souza, Fabiana Satiro de 
Primeiro orientador: Moroz, Melania
Resumo: Considerando-se que idosos enfrentam perdas cognitivas, sendo a mais frequente a perda de memória, torna-se necessário desenvolver atividades de estimulação cognitiva para minimizar ou estabilizar tais perdas. Na Análise do Comportamento, estudos pautados nas relações de equivalência têm mostrado a possibilidade de formação de novas redes relacionais pelo idoso, o que pode auxiliar também na reinstalação de repertórios que estão sendo afetados pelo envelhecimento, como o comportamento de lembrar nomes. O presente trabalho contou com quatro estudos, sendo que os três primeiros verificaram se o ensino de relações condicionais poderia favorecer o comportamento de lembrar nomes e o último estudo verificou se o ensino de discriminações condicionais de dados biográficos poderia favorecer a ocorrência de relações de equivalência. Participaram quatro idosas com diagnóstico de Doença de Alzheimer. Antes de submetê-las aos procedimentos experimentais, realizou-se a avaliação do repertório inicial. Nos Estudos 1, 2 e 3, o procedimento de ensino de relações condicionais utilizou estímulos nas modalidades som (palavra ditada), imagem (representativa da palavra) e texto (palavra escrita), sendo que os estímulos foram apresentados, ou apenas com pareamento simultâneo, ou também com pareamento sucessivo sem atraso e com atraso de 5 segundos. No Estudo 4, utilizaram-se apenas estímulos visuais, com pareamento simultâneo. Foi testada a emergência de novas relações, não treinadas, e se avaliou o repertório final. Os resultados dos três primeiros estudos indicaram melhora no comportamento de lembrar nomes, sendo que houve grande variação nos índices indicativos de emergência de relações não treinadas; no Estudo 4 não foi observada a emergência de relações de equivalência. Apontaram-se possíveis variáveis que podem ter interferido no desempenho das participantes, apresentando-se sugestões para futuras pesquisas
Abstract: Old age brings cognitive impairment and the memory s loss is the most frequent. So, it is necessary to implement cognitive stimulation s procedures in order to minimize or to stabilize such losses. Studies based on Behavior Analysis, particularly in equivalence relations have shown the possibility of forming new relational networks by the elderly and that relational network could help to restore repertoires that are being affected by aging, such as remembering of names of people or objects. The present research had four studies, three of them with the objective to verify if conditional relations teaching, to the participants, could help them remembering names of people or objects and the fourth study with the objective to verify if conditional discriminations teaching biographical data could form equivalence relations. The participants were four old women diagnosed with Alzheimer's disease. Before submitting them to the experimental procedures, the initial repertoire was evaluated. In the Studies 1, 2 and 3, the conditional relations were trained with sound (word dictated), image (representative of the word) and text (written word); these stimuli were presented or in simultaneous pairing or also with successive pairing (0 and 5 seconds). In the Study 4 only visual stimuli were used with simultaneous pairing. The emergence of new relations was tested, and the final repertoire was evaluated. The results of the first three studies showed improvement in remembering names behavior, but it was observed significant variation, among the participants, in the emergence of new relations. In the Study 4 was observed the emergence of equivalence relations. Some possible variables that may have interfered in the participants performance were pointed out, and suggestions for future studies were presented
Palavras-chave: Idosos
Lembrar
Discriminação condicional
Relações de equivalência
Elderly
Reminding and remembering
Conditional discrimination
Equivalence relations
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAO::PSICOLOGIA EDUCACIONAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação
Citação: Souza, Fabiana Satiro de. O ensino de discriminações condicionais para idosos com comprometimento cognitivo. 2011. 199 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16013
Data de defesa: 4-Nov-2011
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fabiana Satiro de Souza.pdf2,48 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.