???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10128
Tipo do documento: Tese
Título: Relações etnicorraciais e currículos escolares em teses e dissertações produzidas nos programas de pós-graduação stricto sensu em Educação Brasil (1987-2006)
Título(s) alternativo(s): Ethnic-Racial relations and curriculum in thesis and dissertations developed in stricto sensu graduate programs in Education Brazil (1987-2006)
Autor: Regis, Kátia Evangelista 
Primeiro orientador: Ponce, Branca Jurema
Resumo: Este trabalho teve por objetivo sistematizar e analisar as principais questões discutidas em teses de doutorado e dissertações de mestrado, que enfocaram as relações etnicorraciais e o currículo escolar, desenvolvidas em programas de pós-graduação stricto sensu em Educação, entre os anos de 1987- 2006. Para a seleção das produções acadêmicas que se tornaram objeto de nossa análise, utilizamos o Banco de Teses da Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Tal levantamento levou-nos à identificação de 187 estudos, cujo objetivo central foi a discussão acerca de relações etnicorraciais, focando a população negra. Partindo desse universo, delimitamos nosso foco de interesse no estudo das investigações que discutiram as relações etnicorraciais e os currículos escolares relacionados à educação básica dos sistemas oficiais de ensino do Brasil. A discussão sobre as relações etnicorraciais baseou-se em autores como Munanga (1996a, 2004a, 2004b); Gomes (2004, 2005, 2007); Gonçalves & Silva (2000, 2004); Cavalleiro (2005a, 2005b); Pinto (1987, 1993) e Silva (2001). A reflexão teórica acerca do currículo sustentou-se em autores como Sacristán (1999, 2000a, 2000b), Apple (1982), Giroux (1997) e McLaren (2000) e ofereceu a fundamentação que orientou nosso trabalho de seleção e análise da produção acadêmica sobre relações etnicorraciais e currículos escolares, resultando em um conjunto de 51 investigações. No entanto, tivemos acesso a 29 estudos, nos quais utilizamos os referenciais da análise de conteúdo, por meio da análise categorial (BARDIN, 2008). Como resultado, as investigações foram agrupadas em quatro categorias: o negro nos livros didáticos; relações etnicorraciais no currículo em ação; estereótipos, preconceito racial e discriminação racial no cotidiano escolar e o ensino da História e Cultura dos africanos e dos negros brasileiros nos currículos escolares. Por fim, destacamos que as discussões sobre relações etnicorraciais e os currículos escolares oferecem importantes possibilidades de repensar a escola
Abstract: The purpose of this study was to systematize and analyze the main questions investigated in doctoral thesis and master s dissertations focused on ethnic-racial relations and school curriculum, developed in Stricto Sensu Graduate Programs in Education over the 1987-2006 period. In order to select the academic works which became the object of our analysis, we have used CAPES (Coordination of High-Level Personnel Training) thesis database. By means of this survey, we could identify 187 studies focused on the analysis of ethnic-racial relations with respect to the black population. From this framework of reference, we have delimited our subject of interest to the analysis of the studies which discussed ethnic-racial relations and school curriculums related to the basic education provided by Brazilian official educational systems. The study on ethnic-racial relations was based on authors such as Munanga (1996a, 2004a, 2004b); Gomes (2004, 2005, 2007); Gonçalves & Silva (2000, 2004); Cavalleiro (2005a, 2005b); Pinto (1987, 1993) and Silva (2001). The theoretical reasoning on the curriculum has its sources in the works of authors such as Sacristán (1999, 2000a, 2000b), Apple (1982), Giroux (1997) and McLaren (2000) which substantiated our selection and analysis of academic works on ethnic-racial relations and school curriculums, resulting in a total of 51 investigations. However, we had access to 29 studies in which we used the content analysis method by means of categorical analysis (BARDIN, 2008). As a result, the investigations were grouped into four categories: black people in textbooks; ethnic-racial relations in the curriculum in action; stereotypes, racial prejudice and racial discrimination in daily school life, and the teaching of Africans and black Brazilians history and culture in school curriculums. Finally, we have highlighted that discussions relating to ethnic-racial relations and school curriculums offer valuable opportunities with regard to rethinking school
Palavras-chave: Relações etnicorraciais
Currículos escolares
População negra
Levantamento em teses e dissertações
Ethnic-racial relations
School curriculums
Black population
Survey in thesis and dissertations
Brasil -- Relacoes etnicas raciais
Brasil -- Relacoes etnicas -- Dissertacoes e teses
Brasil -- Relacoes raciais -- Dissertacoes e teses
Curriculo
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo
Citação: Regis, Kátia Evangelista. Ethnic-Racial relations and curriculum in thesis and dissertations developed in stricto sensu graduate programs in Education Brazil (1987-2006). 2009. 253 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10128
Data de defesa: 14-May-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Currículo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Katia Evangelista Regis.pdf1,85 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.