???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3648
Tipo do documento: Dissertação
Título: A sinfonia da natureza: Charles Darwin e as origens
Autor: Dias, Vivian Catarina 
Primeiro orientador: Carvalho, Edgard de Assis
Resumo: Desde a infância, Charles Darwin demonstrou interesse pelo mundo natural. Na juventude, transformou essa paixão em objeto de estudo viajando ao redor do mundo no navio Beagle. O contato com espécies únicas como as encontradas nas Ilhas Galápagos; os fósseis achados na América do Sul; as experiências adquiridas, e uma extensa pesquisa realizada por mais de vinte anos após o retorno à Inglaterra, levaram-no a pensar na filiação comum das espécies, desdobrando no lançamento de A origem das espécies (1859) e A expressão das emoções no homem e nos animais (1872), além de outras obras e artigos sobre os mais variados assuntos, como o Diário de um naturalista à volta do mundo. Em A origem das espécies, enunciou que as espécies são mutáveis e vinculadas pelo processo da comunhão de descendência , frutos da mesma árvore da vida. Forjando a recriação da história humana e sua realocação no mundo natural, os estudos de A expressão das emoções no homem e nos animais ampliaram o enunciado sobre a evolução das espécies, indicando que humanos compartilham emoções e sentimentos com outras espécies animais. A implosão do conceito de humano iniciada com os fatos darwinianos abriu outros horizontes para as ciências, incluindo a antropologia, repensarem a trajetória dos seres vivos e as fronteiras entre cultura e animalidade. Contudo, transpor limiares e enriquecer o repertório crítico, científico, ético, poético, mostra-se tarefa deveras espinhosa. Apesar da relevância das obras darwinianas, o contato com elas dá-se por vias indiretas: charges, filmes, ficção, cujos conteúdos, raramente, as abordam em todo seu alcance
Abstract: Since childhood Charles Darwin showed an interest for the natural world. In his youth he developed that passion into an object of study travelling around the world onboard of The Beagle. The contact with unique species like the ones found in Galapagos Islands, the fossils discovered in South America, the experiences he lived and a extensive reseach during more than twenty years after his return to England made him think about a common link between the species, that lead him to publish The origin of species in 1859 and The expression of emotions in man and animals in 1872, along with other works and articles on the most diverse subjects, such as Diary of a naturalist around the world. In The origin of species he stated that the species are mutable and linked by the proccess of communion of ascendancy , fruits from the same tree of life. Forging the recreation of human history and its relocation in the natural world, the essays in The expression of emotions in man and animals widened the statement about the evolution of species pointing that humans share emotions and feelings with other species of animals. The implosion of the concept of human initiated with the darwinian facts opened new horizons for sciences such as anthropology to rethink the trajectory of the living beings and the borderlines between culture and animality. Notwithstanding, go beyond frontiers and enrich the critic, scientific, ethic and poetic repertoire is a really dificult task. Despite the relevance of the Darwinian Works, the contact with them is through indirect ways: cartoons, films and fiction, whose contents rarely approach the issue in all its depth
Palavras-chave: Teoria darwiniana
A origem das espécies
Diário sobre a viagem no Beagle
Expressão das emoções em animais humanos e não humanos
Irradiações darwinianas
Darwinian Theory
The origin of species
Diary of the voyage of The Beagle
Expression of emotions in human and non-human animals
Darwinian diffusion
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Dias, Vivian Catarina. A sinfonia da natureza: Charles Darwin e as origens. 2015. 214 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3648
Data de defesa: 4-May-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Vivian Catarina Dias.pdf15,71 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.