???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3557
Tipo do documento: Tese
Título: O que restou é Folclore: o negro na historiografia alagoana
Autor: Silva, Jeferson Santos da 
Primeiro orientador: Consorte, Josildeth Gomes
Resumo: A referência ao passado ao se falar do negro, por parte da classe letrada de Alagoas, é um fato facilmente constatado aos que minimamente se propõem a adentrar num meio de polígrafos que se aventuraram a relatar a vida daquele o negro em ensaios e escritos outros. Apesar de tal referência estar presente na quase totalidade da produção bibliográfica que por alguma razão abordou o negro no estado, a verdade é que a mesma terá nos estudos de folclore seu lugar privilegiado. Apesar da reviravolta nos estudos do negro e sua cultura os mesmos indo da sua depreciação completa ao seu reconhecimento e valorização , o que tivemos de fato não representou verdadeiramente uma guinada na abordagem daquele segmento pela elite nordestina, senão o golpe final de morte da presença do negro na região pois, se é bem verdade que o negro não é mais inferior, também o é que ele não está mais entre nós, assim como quiseram as pessoas de letras do estado de Alagoas, e porque não dizer de todo o nordeste
Abstract: The reference to the past when the Alagoa s old elites talks about black people is a fact for anyone interested in black people history in such place. Although such reference be present at the most of publications that discussed on blacks, it will be in the folklore studies that such prospective will find it place. Despite of evolution on black studies and it s culture it going from your complete depreciation to your acknowledge and valorization , what we had in fact didn t represent a significant change in the elite s broach about that issue. Such way of broach represented the final stab on the black people existence on that region (north-east), because, if is true that black people is not inferior anymore, it s also true that blacks are not between us, because they are part of our past now
Palavras-chave: Historiografia
Alagoas
Negro
Folclore
Historiography
Black people
Folklore
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Silva, Jeferson Santos da. O que restou é Folclore: o negro na historiografia alagoana. 2014. 119 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3557
Data de defesa: 28-Apr-2014
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Jeferson Santos da Silva.pdf688,82 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.