???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/21633
Tipo do documento: Dissertação
Título: Negócios de impacto social e inovação social: contribuições para a revolução da longevidade
Autor: Freitas, Fernanda Cardoso Romão 
Primeiro orientador: Guevara, Arnoldo José Hoyos
Resumo: Os Negócios de Impacto Social (NIS) estão em crescimento em diferentes partes do globo e a Inovação Social (IS) surge como uma alternativa para criar soluções inovadoras de forma inclusiva. Hoje, há indícios de que a IS pode se tornar fundamental para o crescimento econômico e social. Isto se deve ao fato de estarmos vivenciando desafios transformadores como a Revolução da Longevidade, que está ocorrendo no Brasil e no mundo e requer iniciativas inovadoras para atender às novas necessidades decorrentes desta transformação. Foram identificadas, por meio da revisão de literatura, algumas lacunas no campo, tais como: poucos estudos empíricos sobre NIS e IS e ausência de estudos sobre NIS e IS para a questão Revolução da Longevidade. A partir destas lacunas, e tendo em vista que, em um futuro próximo, grande parte da população será idosa, chegamos à questão desta pesquisa: como os NISe as Inovações Sociais podem trazer soluções para superar o desafio da crescente longevidade da população? O objetivo desta pesquisa é, portanto, ilustrar como os NIS e as IS podem trazer soluções para o desafio da crescente longevidade da população. Os procedimentos metodológicos adotados seguiram uma abordagem qualitativa e exploratória, com aplicação de entrevistas em profundidade como fonte de dados e evidências. O processo de análise dos dados foi feito com auxílio do software ATLAS.ti e com base na técnica de codificação. Os resultados revelaram quinze principais desafios da Revolução da Longevidade, sendo o preconceito o maior entre eles. Já a maior contribuição em resultado social oferecido pelas empresas participantes desta pesquisa é a possibilidade de existência social. Tal resultado social contribui fortemente com dois dos quatro pilares do Envelhecimento Ativo, resposta da Organização Mundial da Saúde (OMS) para a Revolução da Longevidade
Abstract: The Social Impact Business (NIS) is growing in different parts of the world and Social Innovation (IS) emerges as an alternative to create innovative solutions in an inclusive way. There is evidence that Social Innovation can become important to economic and social growth. Such is due to the fact that we are experiencing transformative challenges such as Longevity Revolution, which is occurring in Brazil and in different parts of the world and requires innovative initiatives to meet new needs resulting from this transformation. In the literature review, there were identified some gaps in the field, such as: few empirical studies about Social Impact Business and Social Innovation and inexistence of studies on NIS and IS for the challenge of longevity increase. Then, from this gap and knowing that in the near future a big part of the population will be elder, we come to the question of this research: How can Social Impact Business and Social Innovation propose solutions to overcome the challenge of increasing longevity? The proposal of this research is to illustrate how Social Impact Business and Social Innovations can bring solutions to this challenge. The methodological procedures followed a qualitative and exploratory approach with interviews to obtain of evidence source. The process of data analysis was done with the help of ATLAS.ti software, based on coding technique. The results of this research show that the main challenge of the Longevity Revolution is prejudice. Other fifteen challenges were evidenced in this research. The greatest contribution in social outcome by the companies participating in this research is the possibility of social existence. This social result contributes strongly to two of the four pillars of Active Aging, which are important elements in response to the Longevity Revolution
Palavras-chave: Inovação social
Negócios de impacto social
Longevidade
Empreendedorismo social
Social innovation
Social impact business
Longevity
Social entrepreneurship
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Economia, Administração, Contábeis e Atuariais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração
Citação: Freitas, Fernanda Cardoso Romão. Negócios de impacto social e inovação social: contribuições para a revolução da longevidade. 2018. 212 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/21633
Data de defesa: 6-Sep-2018
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fernanda Cardoso Romão Freitas.pdf1,78 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.