REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Pós-Graduação em Filosofia
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/19976
Tipo: Tese
Título: A água e o vinho: a recepção das teorias aristotélicas da linguagem na doutrina de São Tomás de Aquino sobre o Verbo
Autor(es): Fedeli, Maria Ivone Pereira de Miranda
Primeiro Orientador: Perine, Marcelo
Resumo: Este trabalho procura mostrar como, ao longo de seu percurso intelectual, São Tomás de Aquino vai, a partir de uma dúvida inicial sobre a possibilidade de compatibilidade da terminologia teológica sobre o Verbo Divino, baseada no Prólogo do Evangelho de São João e consolidada por Santo Agostinho no De Trinitate, com os conceitos sobre o verbo humano formulados por Aristóteles no De Anima, no Peri Hermeneias e demais textos sobre a linguagem humana, chegar a harmonizar a ambos, sem abandonar a teoria de Aristóteles, mas detalhando-a e precisando-a, num processo de reflexão em que os dados da fé servem de guia e, por assim de dizer, de meta final, aos processos da razão e da filosofia
Abstract: This research aims to show how, throughout his long intellectual journey, starting from an initial question about the compatibility of the theological terminology on the Divine Verb based upon the Prologue to the Gospel of Saint John and consolidated by Saint Augustine’s De Trinitate, by one side, and the concepts of the human verb formulated by Aristotle in De Anima, Peri Hermeneias and other texts on human language, by the other, Saint Thomas Aquinas manages to harmonize both authors, in a way which does not forsake Aristotle’s theory, but which further details and clarifies it, in a process of reflection in which data from faith are guidelines and, in a sense, the ultimate goal of the processes of reason and philosophy
Palavras-chave: Agostinho, Santo, Bispo de Hipona [354-430] - De Trinitate - Crítica e interpretação
Aristóteles - De anima - Crítica e interpretação
Tomás, de Aquino, Santo [1225?-1274]
Verbo Divino
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::FILOSOFIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Filosofia
Citação: Fedeli, Maria Ivone Pereira de Miranda. A água e o vinho: a recepção das teorias aristotélicas da linguagem na doutrina de São Tomás de Aquino sobre o Verbo. 2016. 165 f. Tese (Doutorado em Filosofia) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Filosofia, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19976
Data do documento: 29-Mar-2017
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Filosofia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Maria Ivone Pereira de Miranda Fedeli.pdf1,29 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.