???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18930
Tipo do documento: Dissertação
Título: Estratégias de coping como fator de prevenção do estresse e burnout em bombeiros da cidade de São Paulo
Título(s) alternativo(s): Coping strategies as stress and burnout prevention factor in firefighters from the city of São Paulo
Autor: Fernandes, Renata da Silva
Primeiro orientador: Ramos, Denise Gimenez
Resumo: Os bombeiros militares exercem sua atividade submetendo-se a uma rotina diária de situações emergenciais e tensas. Além do convívio constante com o risco e o perigo, estes profissionais enfrentam grande carga emocional no confronto com o sofrimento e muitas vezes a morte. Estes fatores são considerados potenciais desencadeadores de doenças psicossomáticas ligadas ao exercício da profissão, levantando, entre outras, questões de como os bombeiros convivem com estes estressores, como são afetados por estas condições adversas que se constituem na própria natureza de seu trabalho e quais recursos utilizam para lidar com este contexto. Nesta perspectiva, insere-se o objetivo deste trabalho, que é o de investigar os níveis de estresse e burnout nos bombeiros militares e, caso estas doenças profissionais sejam prevalentes, identificar a relação da prevenção e diminuição dos sintomas com a utilização de estratégias de coping. Em síntese, investiga-se se as estratégias de coping podem funcionar como fator de prevenção do burnout e do estresse nesta população. Para tanto, foi investigada uma amostra de 148 bombeiros militares atuantes na cidade de São Paulo, nos quais foram aplicados os instrumentos: Questionário Sócio Demográfico; Escala de Estresse no Trabalho; Maslach Bunout Inventory - MBI e Inventário de estratégias de coping Folkman & Lazarus. Os resultados obtidos com a Escala de Estresse no Trabalho mostra que a maioria dos bombeiros foram classificados com estresse. Quanto ao burnout os índices baixo nível de exaustão emocional, alta despersonalização e alta realização pessoal. A utilização de estratégias de coping mais utilizadas foram as focadas no problema
Abstract: The firefighters exert their activity by submitting to a daily routine of emergency and stressful situations. In addition to the constant contact with the risk and danger, these professionals face emotionally charged in confrontation with suffering and often death. These factors are considered potential triggers of psychosomatic illnesses connected with the exercise of the profession, raising, among others, issues of how firefighters live with these stressors, as they are affected by these adverse conditions that constitute the very nature of their work and what resources use to handle this context. In this perspective, is part of the objective of this work, which is to investigate the levels of stress and burnout in military firefighters and if these illnesses are prevalent, identify the relationship of prevention and reduction of symptoms with the use of coping strategies. In short, it investigates coping strategies can function as the burnout prevention factor and stress in this population. For this purpose, a sample of 148 active firefighters was investigated in São Paulo, where the instruments were applied: Socio Demographic Survey; Stress Scale at Work; Maslach Bunout Inventory - MBI and Inventory of coping strategies Folkman & Lazarus. The results obtained with Stress Scale at Work shows that most firefighters were classified as stress. As for burnout indexes lower level of emotional exhaustion, depersonalization and high personal achievement. The use of most frequently used coping strategies were focused on the issue
Palavras-chave: Bombeiros militares
Estresse
Síndrome de Burnout
Firefighters
Stress
Burnout
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Fernandes, Renata da Silva. Estratégias de coping como fator de prevenção do estresse e burnout em bombeiros da cidade de São Paulo. 2016. 177 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia: Psicologia Clínica) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18930
Data de defesa: 1-Apr-2016
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Renata da Silva Fernandes.pdf2,36 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.