???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13293
Tipo do documento: Tese
Título: Medicina Legal entre Direito ou Medicina: o caminho de sua institucionalização no Brasil
Autor: Alves, Robinson Henriques 
Primeiro orientador: Ferraz, Marcia Helena Mendes
Resumo: O objetivo do presente estudo foi reunir elementos que permitissem compreender como se instalou e passou a funcionar a cadeira de Medicina Legal nas Faculdades de Medicina e de Direito no Brasil no século XIX, com particular atenção aos aspectos logísticos e políticos da criação das cadeiras, passando pela contratação de professores e pelas ideias acerca de Medicina Legal expostas nos cursos aqui alocados. Procurou se ainda compreender as relações entre a Europa e o Brasil na institucionalização da ciência, dado o notório desinteresse da metrópole portuguesa em criar cursos superiores no Brasil colonial, e a possível influência que a Medicina Legal exerceu sobre o Direito. Partiu-se do pressuposto de que a institucionalização de um ramo do conhecimento implica reconhecer seu ensino, pesquisa, divulgação e aplicação. Trata-se, pois, de uma pesquisa bibliográfica, de caráter exploratório e descritivo, mas com o viés próprio da História da Ciência, qual seja, analisar fatos e documentos sob a perspectiva epistemológica, historiográfica e histórica. O estudo encerra-se com a constatação de que a Medicina Legal, no final do século XIX, mantinha o seu ensino, pesquisa, divulgação e aplicação do conhecimento, do que derivou seu reconhecimento como área de estudo independente e sua consequente institucionalização
Abstract: The aim of the present study is to analyze the establishment and operation of Legal Medicine chairs in Brazilian medical and law schools in the 19th century. The study focused on the logistics and political features underpinning that process, including the procedures for hiring professors and notions of the Legal Medicine that were taught. In addition, attention was also paid to the ties that bind Europe and Brazil as to the institutionalization of science, with particular emphasis on Portugal s apparent lack of interest in establishing higher education courses in its American colony, as well as on the influence exerted by Legal Medicine on Law. The basic assumption underlying the present study is that the institutionalization of a definite field of knowledge demands explicit recognition of the need of specific training, research practice, divulgation and application of the knowledge thus produced. The study is based on an exploratory and descriptive survey of the literature, which was analyzed according to the epistemological, historiographical and historical approach proper to History of Science. Results show that, by the end of the 19th century, Legal Medicine had established programs for training, research, divulgation and application of its specific knowledge, which allows to infer that it achieved institutionalization as an autonomous field of knowledge
Palavras-chave: Medicina Legal
Higiene pública
Institucionalização das ciências
Medicina
Direito
History of Science
Legal Medicine
Public Health
Institutionalization of Science
Medicine
Law
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DAS CIENCIAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História da Ciência
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência
Citação: Alves, Robinson Henriques. Medicina Legal entre Direito ou Medicina: o caminho de sua institucionalização no Brasil. 2014. 107 f. Tese (Doutorado em História da Ciência) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13293
Data de defesa: 24-Mar-2014
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Robinson Henriques Alves.pdf728,95 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.