???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12971
Tipo do documento: Tese
Título: Criar Ilhas de Sanidade: os Estados Unidos e a Aliança para o Progresso no Brasil (1961-1966)
Autor: Pereira, Henrique Alonso de Albuquerque Rodrigues
Primeiro orientador: Tota, Antonio Pedro
Resumo: A Aliança para o Progresso foi o principal programa de política externa dos Estados Unidos no início da década de 1960. Ela representou o enfrentamento do perigo comunista que teria se instalado na América Latina com a Revolução Cubana em 1959. Dada sua importância geopolítica, o Brasil foi o país latino-americano prioritário para a ação da Aliança para o Progresso. No Brasil, o foco central da preocupação do governo norte-americano foi o Nordeste. Considerado então como uma região explosiva dadas suas péssimas condições socioeconômicas e o crescimento constante da ameaça comunista. As Ilhas de Sanidade , expressão criada pelo embaixador norte-americano Lincoln Gordon, foram o locus privilegiado de atenção do governo estadunidense e da implementação dos projetos ligados à Aliança para o Progresso. As Ilhas funcionariam como um exemplo daquilo que os Estados Unidos poderiam fazer de bom não apenas pelo Nordeste e pelo Brasil, mas também por toda a América Latina. O estado do Rio Grande do Norte foi a principal Ilha de Sanidade no Nordeste brasileiro. Os resultados das ações da Aliança para o Progresso estiveram muito distantes da propagada intenção do programa de contribuir para criar governos plenamente democráticos. Durante a década de 1960, e também no início dos anos 1970, a América Latina foi varrida por uma série de golpes de Estado que estabeleceram ditaduras militares. Grande parte destes golpes de Estado, como o ocorrido no Brasil em 1964, teve significativa ajuda do governo norte-americano.
Palavras-chave: Aliança para o Progresso
Brasil - Relações exteriores - Estados Unidos
Estados Unidos - Relações exteriores - Brasil
história política do Brasil
história dos Estados Unidos
relações Estados Unidos - América Latina
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DO BRASIL::HISTORIA DO BRASIL REPUBLICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Pereira, Henrique Alonso de Albuquerque Rodrigues. Criar Ilhas de Sanidade: os Estados Unidos e a Aliança para o Progresso no Brasil (1961-1966). 2005. 23 f. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12971
Data de defesa: 11-May-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Texto Tese PUCSP Henrique Pereira.pdf58,77 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.