???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12812
Tipo do documento: Dissertação
Título: Destino do corpo morto: cremação em São Paulo, século XX
Autor: Cardoso, Fabiana Franco
Primeiro orientador: Avelino, Yvone Dias
Resumo: Em agosto de 1974, ocorreu a inauguração do Crematório Jayme Augusto Lopes, popularmente conhecido como Crematório de Vila Alpina. Dessa maneira, a cidade de São Paulo começou a oferecer dois destinos para o corpo morto: o sepultamento e a cremação. Para acompanhar a origem da cremação em nosso município foi necessário além de consultar a imprensa, ler Atas da Câmara Municipal, projetos de lei e um texto da Ação Civil Pública sobre desaparecidos políticos encontrados na vala do Cemitério de Perus. Esse estudo focado no período compreendido entre os anos de 1967 e 1974, revelou a posição de eclesiásticos brasileiros e de autoridades políticas sobre a prática crematória, a contribuição de medidas do governo militar para a instalação dos primeiros fornos na capital, o papel da imprensa na divulgação de planos governamentais, as negociações entre Igreja, médicos e políticos para definição de condições adequadas à população paulistana, além de promover reflexão sobre a constante transformação da cidade de São Paulo em busca de modernidade
Abstract: In August 1974, there was the inauguration of the Crematorium Jayme Augusto Lopes, popularly known as Crematorium Alpine Village. Thus, the city of São Paulo began offering two destinations for the dead body: burial and cremation. To track the origin of cremation in our city was required in addition to consulting the press, read the Minutes of the City Council, bills and a text of the Public Civil Action on missing politicians found in the ditch in Cemetery Perus. This study focused on the period between the years 1967 and 1974, revealed the position of Brazilian ecclesiastical and political authorities on the practice crematory, measures the contribution of the military to the installation of the first crematorium in the capital, the role of the press in disclosure of government plans, negotiations between the Church, doctors and politicians to define adequate conditions for the population of the city, and promote reflection on the constant transformation of the city of São Paulo in search of modernity
Palavras-chave: Cremação
Corpo morto
Cemitério de Perus
Rematório de Vila Alpina
Cremation
Dead body
Cemetery Perus
Crematorium Alpine Village
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Cardoso, Fabiana Franco. Destino do corpo morto: cremação em São Paulo, século XX. 2013. 200 f. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12812
Data de defesa: 18-Oct-2013
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fabiana Franco Cardoso.pdf4,43 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.