???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12785
Tipo do documento: Tese
Título: Rotas e raizes de ancestrais itinerantes
Autor: Bandeira, Luís Cláudio Cardoso 
Primeiro orientador: Antonacci, Maria Antonieta Martinez
Resumo: Esta tese, na perspectiva dos Estudos Culturais, tem como ponto de partida investigar expressões da religiosidade e a cura na pajelança afroindígena , focando diferentes injunções de rituais e matrizes culturais africanas e indígenas no Norte e Nordeste Brasileiro, em circuitos que se configuram enquanto luso-afro-amazônicos. Procurando apreender saberes no trato do corpo em práticas de cura que perpassam o período da escravidão e do abolicionismo, em perspectiva de longa-duração, analisa ações de curandeiros, embates e conflitos com o Estado e a medicina institucional vigente, em decorrência de diferentes saberes e crenças, sem perder de vista rituais de cura presentes em terreiros de Candomblé, Umbanda, Catimbó, Mina, Jurema e Pajelança, presentes em Fortaleza, Codó, Cururupu e Belém. A partir de laços identitários historicamente construídos em rotas e raízes 1 do continente africano, a Portugal, desaguando em solo brasileiro em trânsitos que perpassam o Ceará, o Maranhão, o Pará e demais estados que compõem a área cultural amazônica. Buscamos compreender o universo mágico-religioso, constituído de encantarias que motivam e fortalecem curadores, pajés, babalorixás, yalorixás, benzedores, erveiras, rezadeiras e outros agentes de cura, que sem se curvarem prosseguem desafiando a lógica cartesiana, no intuito de curar a si e seus parceiros, preservando tradições e espaços culturalmente inseridos em Terras Brasilis
Abstract: This thesis, in the perspective of Cultural Studies, has as a starting point to investigate expressions of religiosity and healing in "pajelança afroindígena", focusing on different injunctions and rituals of African and indigenous cultural matrices in the North and Northeast of Brazil, in which circuits are configured as Luso-african-amazonian. Looking perceive knowledge in handling the body in healing practices that pervade the period of slavery and abolitionism, prospective long-term analyzes actions of healers, clashes and conflicts with the state and existing institutional medicine, due to different knowledge and beliefs, without losing sight of healing rituals present in terraces of Candomblé, Umbanda, Catimbó, Mina, and Jurema Pajelança present in Fortaleza, Codó, Cururupu from Belém and identity ties historically built on "routes and roots" of the continent Africa, Portugal, flowing on Brazilian soil in transits that pervade the Ceará, Maranhão, Pará and other states that make up the cultural Amazon. We seek to understand the universe magical-religious, consisting of encantarias that motivate and empower healers, pajés, babalorixás, yalorixás, healers, erveiras, mourners and other healers, without bowing to continue challenging the Cartesian logic, in order to heal and their partners, preserving traditions and culturally embedded spaces in Brazilian Lands
Palavras-chave: Religiosidade
Corpo
Cura
Diáspora
Pajelança Afroindígena
Amazônia
Religion
Body
Healing
Diaspora
Amazon
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Bandeira, Luís Cláudio Cardoso. Rotas e raizes de ancestrais itinerantes. 2013. 291 f. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12785
Data de defesa: 3-Jun-2013
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luis Claudio Cardoso Bandeira.pdf3,91 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.