???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12671
Tipo do documento: Tese
Título: Trajetórias dos imigrantes açorianos em São Paulo: processos de formação, transformação e ressignificação das representações culturais
Título(s) alternativo(s): The paths of azorean immigrants in Sao Paulo: formation, transformation and reinterpretation processes of cultural representations
Autor: Angelo, Elis Regina Barbosa 
Primeiro orientador: Matos, Maria Izilda Santos de
Resumo: Esta investigação aborda as trajetórias dos imigrantes açorianos na cidade de São Paulo no período de 1950 a 1960, tentando recuperar processos de formação, transformação e ressignificação das representações culturais. Ao estabelecer o diálogo com as memórias da e/imigração, essas experiências indicaram as situações políticas, econômicas e sociais dos Açores compreendidas no período anterior ao recorte cronológico estabelecido, que influenciaram as motivações do processo emigratório. Diante dessas trajetórias, teve a Festa do Divino Espírito Santo um papel relevante enquanto evento catalisador da formação da comunidade dos emigrantes estabelecidos na Vila Carrão. Ao abordar a festa nos Açores, tecendo sua história, seus significados e simbologias ainda percebidos na contemporaneidade, verifica que se trata de um dos mais relevantes elementos da cultura imaterial açoriana, no qual se observam modismos, gerações e sensibilidades temporalmente. Diante do enfoque desse grupo de imigrantes, investiga-se o processo desde a saída dos Açores, compreendendo como vieram, quais as relações já estabelecidas no que tange às questões de trabalho, redes sociais e familiares e em quais condições de vida se reconstruíram numa cidade em franco crescimento. São Paulo, nessa dicotomia oferta versus demanda, buscava na mão de obra imigrante o trabalhado nas fábricas, indústrias e comércio, fomentando o processo. Frente a essas experiências na cidade que os acolhia, aglutinaram-se elementos capazes de traduzir suas trajetórias de vida, como se organizaram no bairro, como se dispersaram no Brasil e no mundo e principalmente como se deu a iniciativa de restabelecimento dos laços conterrâneos na reconstrução do grupo a partir da fundação da Casa dos Açores, que traduziu na reinvenção das tradições a reformulação da Festa do Divino Espírito Santo. Ao descortinar essas experiências sociais, as ressignificações foram traduzindo uma nova tradição cultural profanoreligiosa num ambiente múltiplo que é a metrópole, formadora de um verdadeiro mosaico de culturas
Abstract: The focus of this research is to address the paths taken by Azorean immigrants in the state of Sao Paulo, Brazil, between 1950 and 1960, in order to recover the processes of formation, transformation and redefinition of cultural representations. A dialogue with the memories of emigration and immigration indicated the political, economical and social situation of the Azores in the period preceding those movements and gave away the reasons to why they took place. What was recovered indicates that the Holy Spirit Feast had an important catalyst role in the formation of immigrant communities established at Vila Carrão. The symbols and meanings of this feast are perceived to this day as one of the most important elements of the Azorean s immaterial culture, and have been shared by generations to the present time. This group s approach was to investigate an assembling of immigrants from their departure in the Azores, including means of transportations, relationships established prior and during the journey in terms of labor and family and finally the living conditions found in the booming city that was Sao Paulo. The dichotomy of supply versus demand and the search for people to work the factories, industries and trade, which promoted the process, is also analyzed here. The experiences in the city that welcomed them and several other elements coalesced help translate their life s trajectories, as they organized themselves in the district, how they were dispersed in Brazil and around the world, and especially how was the initiative of reestablishing ties with countrymen and building the House of the Azores, which led to the reinvention of traditions and the reformulation of the Holy Spirit Feast. By unveiling these social experiments, the reinterpretations translated a new profane-religious cultural tradition in a diverse environment that is the metropolis formed by a true mosaic of cultures
Palavras-chave: E/imigrantes açorianos
Religião
Festa do Divino Espírito Santo
Casa dos Açores
Tradição
Azorean emigrants/immigrants
Religion
Feast of the Holy Spirit
House of the Azores
Tradition
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Angelo, Elis Regina Barbosa. The paths of azorean immigrants in Sao Paulo: formation, transformation and reinterpretation processes of cultural representations. 2011. 363 f. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12671
Data de defesa: 2-Jun-2011
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Elis Regina Barbosa Angelo.pdf10,82 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.