???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12619
Tipo do documento: Tese
Título: Objetos turbulentos, territórios instáveis: uma história das representações dos aparelhos elétricos no espaço doméstico (1940-60)
Autor: Arruda, Márcia Bomfim de 
Primeiro orientador: Sant'anna, Denise B. de
Resumo: Esta tese, que tem por título: Objetos Turbulentos, Territórios Instáveis. Uma história das representações dos aparelhos elétricos no espaço doméstico (1940-60) , refere-se à automatização da casa, especialmente no período após a Segunda Guerra, quando os eletrodomésticos se tornam mais acessíveis para a classe média carioca e paulistana. Trata-se de um estudo em História Cultural sobre as representações dos aparelhos elétricos veiculadas principalmente em propagandas e matérias em revistas como Casa e Jardim e O Cruzeiro. As representações foram pensadas como um modo de tentar conformar os objetos, assim como toda a casa e as práticas que se exercem nela, a uma determinada racionalidade científica. Racionalidade essa firmada nos saberes de diferentes especialidades como arquitetura, engenharia e design. Os eletrodomésticos se tornam um espetáculo para a sociedade de consumo que valoriza cada vez mais a aparência das coisas. No âmbito doméstico uma estética da tecnologia se constitui nesse período, caracterizada por uma arquitetura, mobiliário, equipamentos e aparelhos fabricados com novos materiais. Com a automatização as formas de realizar o trabalho doméstico se alteram e a ideia de produzir mais em menor tempo - uma máxima do trabalho na indústria se estende ao espaço doméstico
Abstract: The title of this thesis is Turbulant Objects, unstable territories. A history of the representations of home electric appliances in the domestic household (1940-60). It deals with home automation spanning mainly the post Second World War period, when electric home appliances become accessible to the middle class in the states of Rio de Janeiro and of São Paulo. It is a study in Cultural History concerning the representation of electric appliances appearing mainly in adds and as articles in magazines such as Casa e Jardim and O Cruzeiro . The representations arose from the thoughts which reflect a means of trying to conform objects, as well as the whole household and its routines to a certain scientific rationality. Such rationality is based on the knowledge of different specialities as architecture, engineering and design. Electric appliances became a spectacle for the consumer society and which values more and more the appearance of things. In the domestic field a technological aesthetics constitutes itself during this period, characterized by furniture, equipments and appliances manufactured with new materials, as well as architecture. Through automation, the means of doing domestic work changed and the idea of producing more in less time a rule in the work industry is extended to the household
Palavras-chave: Cultura material
Tecnologia
Automatização da casa
History
Material culture
Technology
Home automation
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Arruda, Márcia Bomfim de. Objetos turbulentos, territórios instáveis: uma história das representações dos aparelhos elétricos no espaço doméstico (1940-60). 2010. 250 f. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12619
Data de defesa: 26-Oct-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Marcia Bomfim de Arruda.pdf19,3 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.