???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/1024
Tipo do documento: Dissertação
Título: As liberdades instrumentais de Amartya Sen e os novos indicadores de desenvolvimento
Autor: Correa Junior, Carlos Barbosa 
Primeiro orientador: Hoyos Guevara, Arnoldo José de
Resumo: Nas últimas décadas, além da riqueza, saúde, qualidade de vida, segurança ou educação, a concepção do desenvolvimento alcança um novo paradigma ao incluir uma variável fundamental, representada pela questão intergeracional da preservação do meio ambiente. Sendo assim, uma moderna concepção de um desenvolvimento sustentável ganha força. A concepção do desenvolvimento passa a exprimir anseios éticos e econômicos de uma distribuição equitativa, equilibrada e sustentável dos bens e benefícios produzidos e ou oferecidos pelo planeta. Observa-se, por outro lado, uma heterogeneidade conceitual na elaboração de ferramentas e indicadores da avaliação desse desenvolvimento. Na perspectiva de Amartya Sen, o desenvolvimento não é descrito como um aumento da renda agregada de uma nação ou de uma renda per capita da população, mas sim como a ampliação das liberdades que os indivíduos desfrutam. O aumento da liberdade compreende tanto o meio quanto o fim do desenvolvimento, pois a ampliação das liberdades leva ao desenvolvimento e o desenvolvimento da sociedade, por sua vez, promove a ampliação das liberdades. Amartya Sen destaca cinco liberdades instrumentais entendidas como direitos e oportunidades que ajudam a promover a capacidade geral de uma pessoa: as liberdades políticas, as facilidades econômicas, as oportunidades sociais, as garantias de transparência e a segurança protetora. Nesse contexto, o objetivo geral desta pesquisa é o de estudar comparativamente, com base em pesquisa documental e bibliográfica, um rol de novos indicadores de desenvolvimento, analisados e sintetizados a partir das cinco liberdades instrumentais de Amartya Sen. Os resultados obtidos atendem aos objetivos propostos e podem vir a constituir um modelo na discussão sobre a construção, análise e utilização de novos indicadores de desenvolvimento
Abstract: In recent decades, as well as wealth, health, quality of life, safety or education, the concept of development reaches a new paradigm by including a key variable, represented by the question of intergenerational preservation of the environment. Thus, a modern concept of sustainable development gains strength. The concept of development is to express ethical and economic aspirations of equitable, balanced and sustainable goods and benefits, or produced and offered by the planet. It is observed, moreover, a heterogeneity in the conceptual drawing tools and indicators of the evaluation of development. In view of Amartya Sen, development is not described as an increase in aggregate income of a nation or a per capita income of the population, but as the expansion of the freedoms that individuals enjoy. The increased freedom includes both the means and the end of development, because the expansion of freedom leads to the development and the development of society, in turn, promotes increased freedoms. Amartya Sen highlights five instrumental freedoms construed as rights and opportunities that help promote overall capacity of a person: political freedoms, economic facilities, social opportunities, transparency guarantees and protective security. In this context, the general objective of this study is to comparatively study, based on archival research and bibliography, a list of new indicators of development, analyzed and synthesized from the five instrumental freedoms of Amartya Sen. The results meet the proposed objectives and may well be a model in the discussion on the construction, analysis and use of new indicators of development
Palavras-chave: Amartya Sen
Liberdades instrumentais
Desenvolvimento sustentável
Novos indicadores de desenvolvimento
Amartya Sen
Instrumental freedoms
Sustainable development
New development indicators
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Administração
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração
Citação: Correa Junior, Carlos Barbosa. As liberdades instrumentais de Amartya Sen e os novos indicadores de desenvolvimento. 2012. 314 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2012.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/1024
Data de defesa: 18-Apr-2012
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Carlos Barbosa Correa Junior.pdf4,07 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.