???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/9508
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorPalazzo, Camila-
dc.contributor.advisor1Cesaretti, Mário Luís Ribeiro-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4784381E6por
dc.date.accessioned2016-04-27T13:10:27Z-
dc.date.available2015-10-19-
dc.date.issued2015-09-18-
dc.identifier.citationPalazzo, Camila. Autoavaliação de um curso de Medicina: o papel da devolutiva docente na adesão discente à avaliação on-line dos módulos curriculares nos 1º, 2º e 3º anos. 2015. 98 f. Dissertação (Mestrado em Educação nas Profissões da Saúde) – Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Sorocaba, 2015.por
dc.identifier.urihttps://tede2.pucsp.br/handle/handle/9508-
dc.description.resumoA avaliação dos cursos de nível superior tem sido uma prática difundida em várias universidades. Esta prática é importante para informar aos gestores do curso e ao núcleo docente estruturante sobre a qualidade do ensino que vem sendo produzido, do andamento das práticas discentes e das intercorrências que possam advir durante o andamento do curso. No Curso de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, a avaliação discente do curso é realizada através da representação discente na Comissão de Série/Didática (atual Colegiado de Curso) e através de um instrumento on-line, preenchido no ambiente virtual de aprendizagem (Moodle) ao final de cada módulo. A avaliação dos cursos de nível superior tem sido uma prática difundida em várias universidades. Esta prática é importante para informar aos gestores do curso e ao núcleo docente estruturante sobre a qualidade do ensino que vem sendo produzido, do andamento das práticas discentes e das intercorrências que possam advir durante o andamento do curso. No Curso de Medicina da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, a avaliação discente do curso é realizada através da representação discente na Comissão de Série/Didática (atual Colegiado de Curso) e através de um instrumento on-line, preenchido no ambiente virtual de aprendizagem (Moodle) ao final de cada módulo. Este instrumento, Questionário de Avaliação do Módulo, vem sendo subutilizado ao longo do tempo e questionamos se sua falta de efetividade poderia estar relacionada à falta de devolutivas formais por parte dos coordenadores de série/curso. Neste trabalho, realizamos uma análise do numero de respostas ao instrumento, desde a sua implantação na plataforma virtual de inserção das atividades pedagógicas em 2010 e, do número de respostas em 2015, quando foi introduzida uma devolutiva formal, on-line, fornecidas pela coordenação de curso. Foram comparadas as médias históricas de respostas ao instrumento e foi realizada uma análise qualitativa destas respostas às questões abertas, com análise do discurso, por categorias de palavras. Concomitantemente, no ano 2015, foi possível uma análise prospectiva da adesão, a partir da introdução de devolutivas on-line para os alunos. Observamos que esta prática não foi capaz de suscitar uma maior adesão discente à resposta do instrumento on-line. Resta saber se isto se deve ao pouco tempo de devolutiva oferecido ou se poderia estar relacionado à falta de uma cultura avaliativa. Cabe ressaltar que, ao longo do tempo, não observamos grandes mudanças na avaliação das questões fechadas, a grande maioria mantendo conceitos positivos, entretanto foi observado que houve mudança de foco no discurso nas respostas abertaspor
dc.description.abstractThe evaluation of higher education courses has been a widespread practice in many universities. This practice is important to inform managers of the course and teaching core improve on the quality of education that is being produced, the progress of students practices and the difficulties that may arise during development of the course. In the Medical School, Faculty of Medical and Health Sciences of the Catholic University of São Paulo, the student evaluation in the course is performed by student participation in the Series / Teaching Committee (current Collegiate Course) and through an on-instrument line, completed in the virtual learning environment (Moodle) at the end of each module. The evaluation of higher education courses has been a widespread practice in many universities. This practice is important to inform managers of the course and the structural core teaching on the quality of education that is being produced, the progress of students practices and the difficulties that may arise during development of the course. In the course of Medicine, Faculty of Medical and Health Sciences of the Catholic University of São Paulo, the student course evaluation is done through student representation in Series / Curriculum Committee (current Collegiate Course) and through an on-instrument line, completed in the virtual learning environment (Moodle) at the end of each module. This instrument, Module Evaluation Questionnaire, has been underutilized over time and inquired about their lack of effectiveness could be related to the lack of formal fed back by the coordinators of the series or course. In this paper, we analyze the number of responses to the instrument, since its implementation in the virtual platform for integration of educational activities in 2010 and the number of responses in 2015, when a formal feedback session was introduced, online, provided by course coordination. Compared to historical averages of responses to the instrument and was carried out a qualitative analysis of these responses and open questions, with speech analysis, for categories of words. Concurrently, in 2015, a prospective analysis of accession was possible, since the introduction of online fed back to the students. We observed that this practice was not able to show greater involvement student to answer the online tool. The question is whether this is due to the short time offered or could be related to the lack of an evaluation culture. It should be noted that, over time, we observed no major changes in the assessment of closed questions, the vast majority maintaining positive concepts, however it was observed that there was a change of direction in the discourse on the open answerseng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2016-04-27T13:10:27Z (GMT). No. of bitstreams: 1 Camilla Palazzo.pdf: 5432945 bytes, checksum: 3fd8e5ec3af94d6816f18243c6a2d33e (MD5) Previous issue date: 2015-09-18eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://tede2.pucsp.br/tede/retrieve/22413/Camilla%20Palazzo.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherPontifícia Universidade Católica de São Paulopor
dc.publisher.departmentFaculdade de Ciências Médicas e da Saúdepor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsPUC-SPpor
dc.publisher.programPrograma de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúdepor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectAmbiente virtual de aprendizagempor
dc.subjectAvaliação formativapor
dc.subjectDevolutiva docentepor
dc.subjectVirtual learning environmenteng
dc.subjectFormative assessmenteng
dc.subjectTeachers feedbackeng
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::TOPICOS ESPECIFICOS DE EDUCACAOpor
dc.titleAutoavaliação de um curso de Medicina: o papel da devolutiva docente na adesão discente à avaliação on-line dos módulos curriculares nos 1º, 2º e 3º anospor
dc.title.alternativeSelf-evaluation of a Medical school: the role of teachers feedback to student join the online evaluation of curriculum modules in the 1st, 2nd and 3rd yearseng
dc.typeDissertaçãopor
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Camilla Palazzo.pdf5,31 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.