???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/5166
Tipo do documento: Tese
Título: Transdesign - folias da linguagem - anarquia da representação: um estudo acerca dos objetos sensíveis
Autor: Rossi, Dorival Campos 
Primeiro orientador: Santaella, Lucia
Resumo: Considerando-se que as chamadas tecnologias da inteligência passaram a figurar e compor a ferramenta projetual dos objetos de Design, as alterações dos sistemas de produção implicam uma revisão nos sistemas de representação, derivando outra noção de projeto, processo e produto de objetos e signos, agora sensíveis e reagentes. Os objetos inertes são constituídos de matéria homogênea, nos objetos sensíveis, entretanto, desde o ponto de vista do seu projeto, o conceito de homogêneo é superado pela hiperdiversidade, que, neste sentido, significa a inteligência humana e a não humana. Quando operamos qualquer tipo de linguagem, estamos estabelecendo padrões e parâmetros lógicos de inteligência. A experiência humana, desde o final do século passado, vem experimentando a interlocução com formas e objetos inanimados que, por força do seu projeto de Design, adquirem algumas das dimensões humanas, especialmente a capacidade de comunicação e resposta. A hiperdiversidade sugere, então, uma espécie de mutação iconológica, o transdesign: objeto turbulento, reagente, comunicante, volitivo, amalgamado, numa só palavra: sensível. Experimentamos, neste trabalho o jogo transdesign, quando o espaço óptico se transmuta em espaço háptico, tático
Abstract: Considering that the technologies of intelligence has happened to represent and compose the projective tool of Design objects, the changes in systems of production imply a review in the representation of systems, giving another notion of the project, process and product of objects and signs, now sensitive and reacting. The inert objects are made out of homogeneous mass, the sensitive objects, from the point of view of its projects, the concept of homogeneous is overcome by the concept of hyperdiversity.Hyperdiversity,in this way, means human intelligence and the non-human. When we operate any kind of language, we are establishing pattems and logical parameters of intelligence. Human experience at the end of this century, has experienced the interlocution witn shapes and lifeless objects that, through the strength of its Design project, gain some human dimensions, specially the capacity of communication and reply.Hyperdiversity suggests, then, one kind of iconologic mutation, the transdesign: turbulent object, reacting, communicative, volatile, plastered, in just one word: sensitive.We try, in this work, the game transdesign, when the optic space if transverse in tactical space
Palavras-chave: Design
Virtual
Digital
Design virtual
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Comunicação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação: Rossi, Dorival Campos. Transdesign - folias da linguagem - anarquia da representação: um estudo acerca dos objetos sensíveis. 2003. 176 f. Tese (Doutorado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2003.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/5166
Data de defesa: 6-Nov-2003
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dorival Campos Rossi.pdf11,81 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.