???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3986
Tipo do documento: Dissertação
Título: Turismo, lazer e trabalho
Autor: Piovesan, Cecília Helena Marques Ambrizi 
Primeiro orientador: Chaia, Vera Lucia Michalany
Resumo: Este estudo tem como objetivo analisar a relação entre lazer e turismo na sociedade de consumo, tendo em vista a perspectiva da contradição entre a promessa de felicidade e o negócio em tempos de capitalismo globalizado. Nessa perspectiva, questiona o significado do lazer, o ter e o não ter lazer na sociedade contemporânea e quais interfaces podem ser estabelecidas entre o sofrimento, frustração e o mal-estar nas relações existentes entre as organizações de turismo e o turista, que se configuram no não cumprimento das expectativas, nos danos e prejuízos causados, e ainda qual o papel ou função do direito do consumidor nesse contexto. Trata-se de uma investigação histórica e sociológica lastreada em revisão de literatura, pesquisa documental e discussão teórica, bem como na análise de discurso sobre os temas lazer, turismo, trabalho, mal-estar e sofrimento na sociedade contemporânea, com a pretensão de contribuir para a compreensão das formas de entretenimento, especificamente no que tange ao turismo, no contexto de uma sociedade de mercado, que mercantiliza as relações, e para o entendimento do lazer como um conceito construído a partir do surgimento da sociedade urbano-industrial. A discussão do objeto desta pesquisa realiza-se a partir das mudanças ocorridas na sociedade com as novas exigências do capitalismo, da globalização e com as tensões e mal-estar que caracterizam as relações, assim como quando se confronta com a liberdade do sujeito para escolher o que considera melhor para si, decidir o que quer, especialmente frente à chamada sociedade de consumo. Esta investigação apóia-se ainda na reflexão do risco, da insegurança, da incerteza e do sofrimento na sociedade contemporânea, bases para a discussão do lazer, principalmente do turismo, como um dos fatores de desenvolvimento econômico, redutor de desigualdades sociais. Toma-se o turismo como um fenômeno social complexo pelos impactos positivos e negativos que proporciona, como compensação para fuga do cotidiano estressante e opressor, produzido socialmente pela mesma sociedade que estressa e que oprime, oferecendo riscos, insegurança e perigos. Busca-se, assim, desvelar as contradições que estão na base da sociedade de consumo e da intensa mercantilização das relações, emoldurada pela possibilidade de proteção oferecida pelo ordenamento jurídico, especificamente aquele que protege os direitos do consumidor
Abstract: The objective of this study is the analysis of the relationship between leisure and tourism in the consumer society under the perspective of contradiction between the promise of happiness and business in times of globalized capitalism. In this perspective, the present study focuses the meaning of leisure, having and not having leisure in the contemporary society and what interfaces can be established among suffering, frustration and discomfort in the relationship between the tourism agencies and the tourist when his expectations are not met and damages and losses are caused. It also questions the consumer rights in that context. It refers to a historical and sociological investigation based on literature revision, documented survey and theoretical discussion, as well as the analysis on themes such as leisure, tourism, work, discomfort and suffering in the contemporary society. It intends to contribute for the comprehension of the various entertainment forms, specifically concerning tourism in the context of a market society that trades relations, and for the understanding of leisure as a concept that was built from the emerging urban-industrial society, discussed from the changes occurred in the society upon the latest capitalism and globalization requirements, tension and sorrow that characterize the relations, when the individual faces freedom to choose what he considers the best to himself and to decide what he wants, specially when he deals with the so-called consumer society. This investigation is also based on risk reflection, insecurity, uncertainty and suffering in the contemporary society, bases for the discussion on leisure, mainly on tourism, as an economical development factor to reduce social differences, as a complex social phenomenon by the positive and negative impacts it generates, as a compensation to escape the stressing and overwhelming routine, socially produced by the same society that stresses and overwhelms, offering risks, insecurity and danger. Therefore, the present study tries to disclose the contradictions that are in the base of the consumer society and the intensive trading relationships framed by the possibility of protection offered by the law, specially the one that protects the consumer rights
Palavras-chave: Negócio
Mercado
Sofrimento
Leisure
Tourism
Business
Market
Suffering
Defesa do consumidor
Lazer
Trabalho
Turismo
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Piovesan, Cecília Helena Marques Ambrizi. Turismo, lazer e trabalho. 2008. 162 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3986
Data de defesa: 22-Oct-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cecilia Helena Marques Ambrizi Piovesan.pdf8,73 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.