???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3532
Tipo do documento: Tese
Título: Transplantação de medula óssea: como é vista por doadores e doentes em Lisboa e no Recife
Autor: Silva, Maria de Fátima Patu da 
Primeiro orientador: Concone, Maria Helena Villas Bôas
Resumo: Este trabalho é uma pesquisa de doutorado em Ciências Sociais e tem como objeto de estudo o doador de medula óssea/transplante. Este pode ser analisado, pelo menos, por duas áreas do conhecimento: antropologia e medicina. Tomamos a noção de dádiva como conceito fundante da nossa reflexão. Para isso, convém lembrar que a medula óssea enquanto objeto doado para o transplante carrega além da constituição genética e sua capacidade fisiológica, o poder e a força de reviver o receptor. Nas últimas décadas, o transplante de órgãos tem atraído opiniões de setores diversificados da sociedade brasileira, a mídia, por sua vez, vem cumprindo importante papel na ampla divulgação ao democratizar as informações a discussões, algumas vezes acaloradas e contraditórias, assim como esclarece ou suscita dúvidas e receio nas pessoas. É, portanto, um tema de muita relevância social e como tal, tem sido tratado tanto pela sociedade, receptiva aos apelos da solidariedade na doação de órgãos, como pela saúde pública, por se tratar de um procedimento de alta complexidade e elevado custo, exigindo medidas de planejamento de políticas públicas e alocação de recursos, critérios éticos e democráticos. Este estudo objetiva descrever o perfil dos receptores de medula óssea em Recife e Lisboa. Foi realizada uma análise retrospectiva no período de 2002 a 2010. No período analisado, 134 pacientes realizaram transplante com doadores não aparentados destes, 107 em Lisboa e 26 em Recife. Os pacientes transplantados em Lisboa (51,4%) são do sexo feminino, enquanto em Recife (69,2%) pertence ao sexo masculino. Estão na faixa etária de 0 a 17 anos em Portugal (54,2%) e Recife (50 %) com diagnóstico prevalente de Anemia Aplástica. No entanto, em Lisboa prevaleceu o diagnóstico de Leucemia Mieloide Aguda. O estudo chama a atenção para o fato de que Lisboa realizou mais transplantes na faixa etária de 30 a 39 anos (18,7%), diferente de Recife (11,5%) na mesma faixa etária. Em relação à faixa etária de 18 a 29 anos, apresentou um percentual de (15,9%). A pesquisa mostrou a leucemia mieloide aguda como a doença mais prevalente em Lisboa. É um dado que corrobora com a literatura, por afetar indivíduos de todas as idades, principalmente os que estão na fase adulta. Nesse estudo está na faixa etária acima de 50 anos em Lisboa (6,5%) e Recife (3,8%). Ressaltamos que, no período da coleta de dados, Recife tinha uma população de 1.537.704 e Lisboa 2.821.699 pessoas. Apesar de Recife possuir outras unidades, apenas o centro onde foi realizada a pTesquisa estava fazendo este tipo de transplante
Abstract: This work is a doctoral research in Social Sciences and whose object of study has been the bone marrow donor/transplantation. This can be analyzed at least by two areas of knowledge: Anthropology and Medicine. We take the notion of gift as a founding concept of our reflection. Thus, we should remember the bone marrow as an object donated for transplantation that carries beyond the genetic and physiological capacity, power and strength to revive the receiver. In recent decade, organ transplantation has attracted reviews from various sectors of the Brazilian society, the media, on the other hand, has been playing an important role in the broad disclosure information by democratizing the discussions, sometimes heated and contradictory, and clarifies or raises doubts and fear in people. It is therefore a matter of great social relevance and as such has been treated well by society; it has been receptive to the calls of solidarity in organ donation as public health, because it is a procedure of high complexity and high cost, requiring measures of public policy planning and resource allocation, democratic and ethical criteria. This study aims to describe the profile of recipients of bone marrow in Recife and Lisbon. We performed a retrospective analysis from 2002 to 2010. Over this period, 134 patients underwent transplantation with unrelated donors of these, 107 in Lisbon and 26 in Recife. Patients transplanted in Lisbon (51.4 %) are female; while in Recife (69.2 %) are male. Are in the age group 0-17 years in Portugal (54.2 %) and Recife (50 %) diagnosed with Aplastic Anemia prevalent. However, in Lisbon prevailed diagnosis of Acute Myeloid Leukemia. The study draws attention to the fact that Lisbon performed more transplants in the age group of 30-39 years old (18.7%), different from Recife (11.5%) in the same age group. In terms of age group 18-29 years old showed a percentage of (15.9 %). Research has shown acute myeloid leukemia as the most prevalent disease in Lisbon. It is a fact that confirms the literature, to affect individuals of all ages, especially those in adulthood. This study is in the age group above 50 years old in Lisbon (6.5%) and Recife (3.8 %). We emphasize that in the period of data collection, Recife had a population of 1,537,704 and 2,821,699 people Lisbon. Although Recife has other units, only the center where the research was conducted was doing this type of transplant
Palavras-chave: Doação de medula óssea
Transplante
Dádiva
Bone marrow donation
Transplant
Gift
Social Sciences
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Silva, Maria de Fátima Patu da. Transplantação de medula óssea: como é vista por doadores e doentes em Lisboa e no Recife. 2013. 154 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3532
Data de defesa: 11-Nov-2013
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria de Fatima Patu da Silva.pdf2,83 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.