REPOSITORIO PUCSP Trabalho de Conclusão de Curso - TCC Graduação em Psicologia
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/30240
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorGonçalves, Arthur Argondizo-
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7800365261617499pt_BR
dc.contributor.advisor1Colpo, Marcos Oreste-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/0419907447311741pt_BR
dc.date.accessioned2022-11-30T11:03:37Z-
dc.date.available2022-11-30T11:03:37Z-
dc.date.issued2019-08-30-
dc.identifier.citationGonçalves, Arthur Argondizo. Reflexões sobre os sentidos do aborto provocado: uma análise fenomenológica existencial da escolha de interromper uma gestação. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Psicologia) - Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/30240-
dc.description.resumoO presente trabalho trata-se de um ensaio teórico com base no método fenomenológico existencial, cuja preocupação foi desvelar sentidos que envolvem a decisão de gestantes pelo aborto ou não. O aborto, assim como a eutanásia e o suicídio, faz parte do campo de possibilidades humanas, cujas escolhas estão permeadas por diferentes horizontes de sentidos. Com a intenção de investigar e refletir a respeito desses sentidos o trabalho foi dividido em etapas: Primeiramente foi realizado um ensaio teórico com base em estudos bibliográficos a respeito dos processos que envolvem a liberdade de escolha, em um segundo momento foram apresentados depoimentos de mulheres que vivenciaram uma gravidez indesejada e se depararam com a escolha entre abortar ou não. Os temas mais constantes e significativos desses depoimentos foram separados por categorias de análise, criando unidades de sentido. Em seguida foi apresentada uma revisão sobre a situação de países que legalizaram a realização do aborto, e os riscos envolvidos nesse procedimento. Os resultados mostram que dentre os depoimentos os principais sentidos que envolvem a decisão pelo aborto são: projeto de vida incompatível com aquilo que permeia o nascimento de um filho; decisão imprópria por abortar, tomada por um familiar, e recursos financeiros insuficientespt_BR
dc.description.abstractSem Abstractpt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherPontifícia Universidade Católica de São Paulopt_BR
dc.publisher.departmentFaculdade de Ciências Humanas e da Saúdept_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsPUC-SPpt_BR
dc.publisher.programGraduação em Psicologiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectPsicologiapt_BR
dc.subjectFenomenologiapt_BR
dc.subjectPsicologia fenomenológica existencial ões sobre o aborto || Aborto provocado || Sentidos de abortarpt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIApt_BR
dc.titleReflexões sobre os sentidos do aborto provocado: uma análise fenomenológica existencial da escolha de interromper uma gestaçãopt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
Aparece nas coleções:Graduação em Psicologia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTHUR ARGONDIZO GONÇALVES- TCC.pdf628,08 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.