REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/29582
Tipo: Tese
Título: Modos de subjetivação na lírica imagética de Pedro Kilkerry
Autor(es): Souza, Carlos Eduardo Siqueira Ferreira de
Primeiro Orientador: Junqueira, Maria Aparecida
Resumo: O intuito desta pesquisa é investigar os modos de subjetivação que emergem de uma voz singular no contexto da moderna poesia brasileira: Pedro Kilkerry (1885-1917), figura central da segunda geração do Simbolismo baiano que não deixou obra publicada em vida. A fim de se alcançar esse objetivo geral, examinam-se os procedimentos estéticos empregados pelo poeta, em especial aqueles relacionados à sintaxe e à criação e à combinação de imagens; analisam-se as dinâmicas inerentes ao fenômeno de percepção da realidade manifestadas em sua poesia; especula-se sobre a adesão do poeta a princípios do Simbolismo e sobre o impacto dos diversos arquivamentos a que sua obra foi submetida. Com isso, este estudo não só coloca em discussão a maneira como Kilkerry reconfigura o papel desempenhado pelo sujeito lírico na poesia moderna, mas também problematiza até que ponto os modos de subjetivação que emergem de sua lírica articulam-se com uma nova prática de linguagem e com uma nova relação entre sujeito e mundo na experiência poética. Para tanto, foram traçadas as seguintes hipóteses: a subjetividade, na poesia de Pedro Kilkerry, realiza-se na dinâmica da alteridade; procedimentos de construção e combinação de imagens empregados pelo poeta materializam o entrelaçamento entre sujeito e mundo na experiência poética; a estrutura de horizonte participa da configuração da subjetividade e da imagem de mundo que se manifestam em sua lírica. Tais hipóteses foram testadas com o suporte de diversos autores dos campos da Literatura, Filosofia e Linguística, como Michel Collot, Emil Staiger, Paul Valéry, Martin Heidegger, Maurice Merleau-Ponty, Jacques Derrida, Émile Benveniste e Käte Hamburger. A argumentação desenvolve-se ao longo de quatro capítulos: no primeiro, analisa-se o lugar que a obra de Kilkerry ocupa na literatura brasileira a partir dos laços estabelecidos entre sua poesia e o Simbolismo; no segundo, examinam-se as impressões deixadas nos diversos arquivamentos de seus escritos, sobretudo na publicação de ReVisão de Kilkerry – cuja segunda edição reúne os poemas que compõem o corpus desta pesquisa –, fruto da investigação levada a cabo por Augusto de Campos; no terceiro, pondera-se sobre a singularidade do sujeito lírico em Kilkerry mediante a leitura crítica de seus poemas; no quarto capítulo, por meio de novas leituras de poemas, estuda-se a constituição do mundo que se manifesta em sua obra. Finalmente, foi possível perscrutar, nos poemas do autor, o modo como a ek-stase do eu lírico e os efeitos de transfiguração do mundo realizam-se também na linguagem, mediante tropos imprevistos, complexas estruturas sintáticas e o uso consciente dos fundamentos linguísticos da subjetividade, procedimentos que, à luz das noções de estrutura de horizonte, perspectiva e encarnação, dentre outras, promovem uma experiência poética moderna, aberta à plurissignificação. Em sua resposta fabulosa às provocações do mundo da percepção, Pedro Kilkerry investe no invisível que reside no visível, colocando em cena um sujeito lírico em constante travessia para o outro, entregue ao mistério do real. Sua poesia é a expressão de uma consciência fina, corporificada e, acima de tudo, espacializada do sujeito, do mundo e da palavra poética
Abstract: The aim of this research is to investigate the modes of subjectivation that emerge from a singular voice in the context of modern Brazilian poetry: Pedro Kilkerry (1885-1917), a central figure of the second generation of Bahian Symbolism that left no published work in life. In order to achieve this general goal, the aesthetic procedures employed by the poet are examined, especially those related to syntax and the creation and combination of images; we analyze the dynamics inherent to the phenomenon of perception of reality manifested in his poetry; there is speculation about the poet's adhering to the principles of Symbolism and on the impact of the various archives to which his work was submitted. Thus, this study not only discusses the way Kilkerry reconfigures the role played by the lyric subject in modern poetry, but also problematizes the extent to which the modes of subjectivation that emerge from his poetry are articulated with a new practice of language and with a new relationship between subject and world in poetic experience. For this, the following hypotheses were drawn: subjectivity, in the poetry of Pedro Kilkerry, takes place in the dynamics of otherness; procedures of construction and combination of images employed by the poet materialize the intertwining between subject and world in poetic experience; the horizon structure participates in the configuration of subjectivity and the image of the world that manifest themselves in its lyric. These hypotheses were tested with the support of several authors from the fields of Literature, Philosophy and Linguistics, such as Michel Collot, Emil Staiger, Paul Valéry, Martin Heidegger, Maurice MerleauPonty, Jacques Derrida, Émile Benveniste and Käte Hamburger. The argumentation develops over four chapters: in the first, the place that Kilkerry's work occupies in Brazilian literature is analyzed from the ties established between his poetry and Symbolism; in the second, the impressions left in the various archives of his writings are examined, especially in the publication of ReVisão de Kilkerry – whose second edition brings together the poems that make up the corpus of this research – the result of the research carried out by Augusto de Campos; in the third, one ponders the uniqueness of the lyric subject in Kilkerry through the critical reading of his poems; in the fourth chapter, through new readings of poems, the constitution of the world that is manifested in his work is studied. Finally, it was possible to peer into the author's poems how the ek-stasis of the lyric self and the effects of transfiguration of the world are also carried out in language, through unforeseen tropes, complex syntactic structures and the conscious use of the linguistic foundations of subjectivity, procedures that, in the light of the notions of horizon structure, perspective and incarnation, among others, promote a modern poetic experience, open to plurisignification. In his fabulous response to the provocations of the world of perception, Pedro Kilkerry invests in the invisible that resides in the visible, putting on the scene a lyric subject in constant crossing to the other, delivered to the mystery of the real. His poetry is the expression of a fine consciousness, corporificated and, above all, spatialized of the subject, of the world and of the poetic word
Palavras-chave: Pedro Kilkerry
Simbolismo
Poesia moderna brasileira
Arquivo
Eu lírico
Alteridade
Percepção
Estrutura de horizonte
Pedro Kilkerry
Symbolism
Brazilian modern poetry
| Archive
Lyric self
Otherness
Perception
Horizon structure
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::TEORIA LITERARIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Citação: Souza, Carlos Eduardo Siqueira Ferreira de. Modos de subjetivação na lírica imagética de Pedro Kilkerry. 2022. Tese (Doutorado em Literatura e Crítica Literária) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2022.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/29582
Data do documento: 26-Ago-2022
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Carlos Eduardo Siqueira Ferreira de Souza.pdf10,64 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.