???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/22339
Tipo do documento: Dissertação
Título: Avaliação de um programa de residência médica em ginecologia e obstetrícia
Título(s) alternativo(s): Evaluation of a medical residency program in gynecology and obstetrics
Autor: Sanchez, Natalia Romano 
Primeiro orientador: Rodrigues, Cibele Isaac Saad
Resumo: A residência médica em ginecologia e obstetrícia (GO) é indiscutivelmente importante para a capacitação dos médicos que optam por esta área básica de interesse dos Ministérios da Saúde e da Educação. Entretanto, as pesquisas que avaliaram esses programas de residência são escassas, especialmente no que tange a aspectos reflexivos qualitativos. Assim, este estudo descritivo e exploratório, com aspectos quantitativos e qualitativos, buscou avaliar o programa atual de residência médica em GO da Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde (FCMS) da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Como metodologia, foram utilizadas análise curricular comparativa entre o preconizado pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM) e o programa oferecido pela FCMS da PUC-SP, além de questionários autoaplicáveis a egressos do período de 2007 a 2018. Entre os achados mais importantes da análise documental comparativa estão divergências sobre a disposição percentual de carga horária anual, evidenciando sobrecarga em horas de plantão; e a distribuição de estágios. A taxa de retorno do questionário foi de 66% (41 respondentes dos 62 possíveis). Sua análise evidenciou concentração do gênero feminino (n=32, 78%), com atividade predominante nas cidades de Sorocaba (n=21, 43,7%) e São Paulo (n=10, 21%). Há preponderância da satisfação parcial do egresso com o programa cursado (n=34, 82,9%), além de evidências que condizem com os achados da análise documental comparativa, como a insatisfação com o número de procedimentos cirúrgicos ginecológicos realizados (n=39, 95,1%). Em relação à análise qualitativa das questões discursivas houve valorização das atividades em obstetrícia pelos egressos e as críticas mais evidentes foram relacionadas à menor quantidade de horas para certas atividades, em especial àquelas dedicadas às práticas cirúrgicas ginecológicas e atividades teóricas. Com base nos achados foram propostas sugestões de mudanças que possam trazer impacto positivo no ensino na residência. Esta pesquisa contribui para a avaliação diagnóstica de um tradicional programa de residência médica, utilizando metodologia reprodutível e, portanto, pode servir de comparação para outros, para que melhorias possam ser estabelecidas
Abstract: Medical residency is an essential part of training for in gynecologists and obstetricians. However, there is little research evaluating medical residency programs, especially regarding qualitative reflective aspects. Thus, this descriptive and exploratory study, using quantitative and qualitative methods, aimed to evaluate the current Gynecology and Obstetric residency program of the the Catholic University of São Paulo (PUC-SP). This study combines comparative curricular analysis of the program recommended by the National Medical Residency Commission and the one offered by PUC-SP along with self-administered questionnaires for graduates from 2007 to 2018. The most significant finding of the comparative analysis are the discrepancies over the annual workload, showing overload in working hours; and the distribution of activities. The response rate to the questionnaires was 66% (41 respondents out of 62). The analysis showed a concentration of female respondents (n = 32, 78%), whose work activity is mainly located in the cities of Sorocaba (n = 21, 43.7%) and São Paulo (n = 10, 21%). A partial satisfaction with the program took by the graduates was prevalent (n = 34, 82.9%). Some responses also matched the findings of the comparative analysis between the programs, such as dissatisfaction with the number of gynecological surgical procedures performed (n = 39, 95.1%). As for the qualitative analysis of the written answers, graduates seem to appreciate activities in obstetrics. The most relevant complains were related to fewer hours for certain activities, especially to gynecological surgical practices and class activities. Based on the findings, suggestions for change that could have a positive impact of the residence program´s learning and teaching were proposed. This research contributes to the evaluation of a traditional medical residency program in Brazil, using replicable methodology and, therefore, can be used for others, so that improvements can be made
Palavras-chave: Medicina - Estudo e ensino
Residentes (Medicina)
Avaliação educacional
Ginecologia - Prática
Obstetrícia
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde
Medicine - Study and teaching
Residents (Medicine)
Education - Evaluation
Gynecology - Practice
Obstetrics
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde
Citação: Sanchez , Natalia Romano. Avaliação de um programa de residência médica em ginecologia e obstetrícia. 2019. 193 f. Dissertação (Mestrado em Educação nas Profissões da Saúde) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Sorocaba, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/22339
Data de defesa: 23-Apr-2019
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Natalia Romano Sanchez.pdf2,5 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.