???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/22159
Tipo do documento: Dissertação
Título: Utilização de mapas conceituais como um recurso de avaliação de conhecimentos prévios
Título(s) alternativo(s): Use of conceptual maps as an appreciation of prior knowledge assessment
Autor: Castro, Adilson Valezin 
Primeiro orientador: Moraes, Suzana Guimarães
Resumo: O termo Andragogia vem do grego andra (adulto) e agogus (líder de), tem como significado “a arte de liderar adultos”. O termo se diferencia de pedagogia que, advindo de paid (criança) e agogus (líder de), significa “a arte de liderar crianças”. A Andragogia criada por Alexander Kapp, difundida por Malcolm Shepherd Knowles na década de 70, foi definida como a arte e a ciência de ajudar os adultos a aprenderem. E os estudos vinculados à Andragogia reportam à Teoria da Aprendizagem Significativa, na qual, descreve a importância da participação ativa dos estudantes no processo de ensino e de aprendizagem, favorecendo a construção de novos saberes, sendo fundamental que seus conhecimentos prévios estejam ancorados em sua estrutura cognitiva. Para a ocorrência desse tipo de aprendizagem, Ausubel considera como fator fundamental que o estudante tenha vontade de aprender de modo significativo e o material de aprendizagem deve ter linguagem clara com exemplos relacionados aos conhecimentos prévios do aluno. Deste modo, um dos meios para avaliar a construção desse conhecimento é a utilização de mapas conceituais, um recurso de informação visual desse aprendizado. O Mapa Conceitual é uma ferramenta gráfica que serve para representar e organizar os conhecimentos prévios adquiridos por meio dos ganhos cognitivos. Com essa ferramenta, o grupo de alunos e o professor podem identificar e avaliar o processo de aprendizagem e reconhecer o aprendizado construído. Logo, o objetivo deste trabalho é mostrar, por meio da análise, a avaliação de mapa conceitual referente ao conhecimento prévio do grupo de alunos ao longo de 5 (cinco) semestres, conforme propõe o trabalho científico desenvolvido por Novak e Gowin. Para isso, por amostragem, foram analisados 12 mapas conceituais dos alunos na sessão tutorial do 5º período do curso de Medicina da UNIFEV/ Votuporanga - SP, dividida em 4 grupos compostos por 10 alunos cada e 4 tutores distintos. Dentre os resultados deste trabalho, os objetivos atingidos e de maior relevância são a análise dos conteúdos programáticos a partir dos mapas conceituais “gabarito”, identificando os conhecimentos prévios mínimos necessários abordados nos temas das tutorias avaliadas; e a identificação das possíveis dificuldades técnicas dos alunos na elaboração de mapas conceituais; com isso, concluiu-se a importância do uso do mapa conceitual como ferramenta significativa na avaliação dos conhecimentos prévios dos alunos e sua relevância na correção do viés de trabalho do grupo de tutoria
Abstract: The term Andragogy, comes from the Greek andra (adult) and agogus (leader of), has as meaning "the art of leading adults". The term differs from pedagogy, which, coming from paid (child) and agogus (leader of), means "the art of leading children "The Andragogy created by Alexander Kapp, spread by Malcolm Shepherd Knowles in the 1970s, was defined as the art and science of helping adults learn. This is the main characteristic that differentiates it from Pedagogy. The studies related to Andragogy refer to the Theory of Significant Learning, in which, it describes the importance of the active participation of the students in the process of teaching and learning, favoring the construction of new knowledge, being fundamental that their previous knowledge, anchored in their cognitive structure, are considered for new learning. For this type of learning, Ausubel considers as a fundamental factor that the student wants to learn in a significant way and the learning material must be clear language with examples related to the previous knowledge of the student. From this perspective, one of the means to evaluate the construction of this knowledge is the use of conceptual maps which is a visual information resource of this learning. The Conceptual Map is a graphical tool that serves to represent and organize the previous knowledge acquired through cognitive gains. With this tool, the student group and the teacher can identify and evaluate the learning process and recognize the learning built. Therefore, the objective of this work of course completion is to show, through the analysis and evaluation of a conceptual map referring to the previous knowledge of the group of students over 5 (five) semesters, as well as the fragilities that should be mitigated or remedied, as proposed by the scientific work developed by Novak and Gowin. For this, the conceptual maps constructed by the students in the tutorial session of the 5th class of the medical course of UNIFEV / Votuporanga - SP were analyzed and evaluated, divided in 4 groups composed by 10 students each, under the supervision of 4 different tutors. Among the results of this work, the objectives reached and of greater relevance are the analysis of the programmatic contents from the conceptual maps "feedback", identifying the necessary minimum knowledge about the themes of the evaluated tutorials; the identification of possible technical difficulties of the students in the elaboration of conceptual maps; with this, the importance of using the conceptual map as a significant tool in the evaluation of the students' previous knowledge and its relevance in the correction of the work bias of the tutoring group was concluded
Palavras-chave: Materiais de ensino
Aprendizagem baseada em problemas
Educação Médica
Teaching materials
Problem-based learning
Medical education
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde
Citação: Castro, Adilson Valezin. Utilização de mapas conceituais como um recurso de avaliação de conhecimentos prévios. 2019. 89 f. Dissertação (Mestrado em Educação nas Profissões da Saúde) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Sorocaba, 2019.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/22159
Data de defesa: 22-Mar-2019
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Adilson Valezin Castro.pdf3,61 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.