???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/21094
Tipo do documento: Tese
Título: Serviço Social em dois tempos: a experiência como destinatário do trabalho do assistente social e sua ressignificação quando profissional da área
Título(s) alternativo(s): Social Work in two stages: the experience as a recipient for the social worker’s activity and as meaning for the professional accomplishment
Autor: Lima, Neusa Cavalcante 
Primeiro orientador: Martinelli, Maria Lúcia
Resumo: Esta tese insere-se no campo da produção do conhecimento sobre o Serviço Social. Aborda seu significado social, a partir da narrativa de assistentes sociais que, antes da formação acadêmica, viveram a experiência de terem sido atendidas em programa, ou projeto, no qual a profissão encontrava-se inserida. Como objetivos específicos, foram determinados: Analisar o Serviço Social pelo significado atribuído às experiências vividas como usuárias ou destinatárias da atividade profissional; Identificar a forma em que a profissão se expressa nas narrativas das participantes; Identificar nas narrativas quais foram as mediações mobilizadas pelas profissionais no processo de realização do trabalho; e Conhecer como o significado da experiência vivida orienta o exercício profissional e retorna para a construção de novos significados para a profissão. A tese teve por referencial o materialismo histórico, pela filosofia da história de Walter Benjamin e pela categoria experiência na abordagem de Edward P. Thompson. A metodologia da história oral foi adotada conforme é trabalhada por Alessandro Portelli e Yara Aun Khoury, e na leitura para o Serviço Social realizada por Maria Lúcia Martinelli. Foi possível conhecer as experiências das participantes, por meio das narrativas, entendidas como expressão de muitos sujeitos, o que movimenta a apreensão da história das histórias. Ainda que a opção metodológica tenha sido a história oral temática, pela densidade do processo de entrevista, houve interface com a história de vida. No processo de escuta, emergiram como categorias de análise a violência doméstica contra a mulher e o acolhimento institucional, vinculadas aos contextos específicos de atendimento no Serviço Social. Na análise das narrativas, a categoria cultura profissional emergiu como conteúdo e possibilidade de produção de nova sociabilidade
Abstract: This dissertation contributes to the production of knowledge to Social Work. It addresses the social meaning extracted from the narrative of social workers who, before the academic formation, lived the experience of having been attended in a program or a project, in which their profession was inserted. Specific objectives were determined: to analyze the Social Work practice by the meaning attributed to the experiences lived as users or recipients of the professional activity; to identify in the narratives how their profession is expressed and what mediations were mobilized by the professionals in the work accomplished and how the meaning of lived experience guides the professional activity and returns to the construction of new meanings for the profession. The framework adopted for this work found support in historical materialism, in the history philosophy, concept proposed by Walter Benjamin and in the experience approaching by Edward P. Thompson. The research revealed the thomposian approach, present in the theoretical fundaments in Social Work from the end of the 1980s, and that gained visibility after the publication of "Subaltern classes and social assistance" by Yazbek in 1993. The oral history methodology was adopted and found support in Alessandro Portelli, Yara Aun Khoury and in Maria Lúcia Martinelli’s professional activity concerning Social work. The methodological option was based on oral history and, according to the density of the narratives, revealed similarities with the history of life. In the interviews, the emerged categories of analysis were domestic violence against women and the institutional reception, linked to the specific contexts of care in Social Work. In the analysis of the narratives, the professional culture emerged as part of their world experience and as new possibilities of sociability
Palavras-chave: Assistentes sociais - Prática profissional
Violência contra as mulheres
História oral
Social workers - Professional practice
Women - Violence against
Oral history
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Lima, Neusa Cavalcante. Serviço Social em dois tempos: a experiência como destinatário do trabalho do assistente social e sua ressignificação quando profissional da área. 2018. 173 f. Tese (Doutorado em Serviço Social) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/21094
Data de defesa: 9-Mar-2018
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Neusa Cavalcante Lima.pdf2,27 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.