???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19445
Tipo do documento: Dissertação
Título: Cubatão: o que dizem os cientistas, técnicos, militares e pesquisadores?
Autor: Pessoa, Lucas Ricardo Alves 
Primeiro orientador: Goldfarb, Ana Maria Alfonso
Resumo: Em 1950, Cubatão apresentava uma população inferior a dez mil pessoas, tinha sua economia baseada no cultivo de bananas e, em apenas algumas décadas, foi transformada no maior polo petroquímico da América Latina. Essa industrialização, sem precedentes na história brasileira, teve início com a instalação da Refinaria Presidente Arthur Bernardes de Cubatão (a RPBC). A concentração desse polo petroquímico e do lançamento excessivo de poluentes atmosféricos e hídricos no Vale de Cubatão proporcionou diversas mazelas para a saúde da população e para os ecossistemas locais, levando a cidade a ser considerada como “uma das mais poluídas do mundo”, na década de 1980. Os objetivos da presente pesquisa consistiram em: 1- identificar os motivos que levaram à escolha de Cubatão como o local mais apropriado para a instalação da RPBC; 2- analisar as eventuais manifestações de cientistas sobre a escolha do local e os prejuízos do processo ao longo das décadas mencionadas. Para tanto, foram utilizados documentos do Acervo Digital do Arquivo Nacional, além de outros estudos e trabalhos de pesquisadores do período. Os resultados apontam que diversos fatores de ordem militar, estratégica, política e econômica estiveram envolvidos na escolha do local de instalação da refinaria, entretanto, a preocupação ambiental não norteou qualquer discussão. As pesquisas avaliadas sugerem que a própria comunidade científica apoiava instalação da refinaria naquela região ou considerava, a princípio, que os problemas eram naturais e de caráter passageiro. Quando essa comunidade se deu conta das mazelas irreversíveis, o regime militar já não permitia críticas tão severas. Os inúmeros trabalhos publicados sobre a questão ambiental de Cubatão, pós reabertura democrática, sugerem que esse fenômeno está relacionado com a consolidação de alguns termos específicos das ciências ambientais
Abstract: In 1950 Cubatao presented "a population" under ten thousand people. Cubatao until then had its economy based on the cultivation of bananas and in just a few decades has been transformed into the largest petrochemical complex in Latin America. This industrialization, unprecedented in Brazilian history, began with the installation of President Arthur Bernardes Refinery in Cubatão (RPBC (RPBC). The concentration of this petrochemical complex and excessive introduction of air and water pollutants in Cubatao Valley provided a variety of illnesses to people's health and local ecosystems, leading the city to be regarded as "one of the most polluted in the world" in the late 1980. The points of this research are: Distinguish the motives for to the choice of Cubatao as the most appropriate location for the installation of RPBC; Analyze the possible manifestations of scientists about the choice of location and the losses of the process over the decades mentioned. Therefore, we used Digital Collection of documents from the National Archives, as well as other studies and research work of the period. The results indicate that several factors of military order, strategic, political and economic have been involved in the choice of location of the refinery installation, however the concern for the environment not has guided any discussion. The analyzed research suggests that the scientific community itself has supported the refinery installation in the region, or considered at first that the problems were natural and passenger character. When this community became aware of the irreversible ills, the military regime did not allow criticism. The many published works on the Cubatão´s environmental question after the democracy suggest that this phenomenon is related to the consolidation of some specific terms of the environmental science
Palavras-chave: Cubatão, SP
Ciências Ambientais
Refinaria Petroquímica
History of Science
Petrochemicals Refinery
Environmental Sciences
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DAS CIENCIAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência
Citação: Pessoa, Lucas Ricardo Alves. Cubatão: o que dizem os cientistas, técnicos, militares e pesquisadores?. 2016. 96 f. Dissertação (Mestrado em História da Ciência) - Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19445
Data de defesa: 13-Sep-2016
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Lucas Ricardo Alves Pessoa.pdf3,94 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.