REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Pós-Graduação em Educação nas Profissões da Saúde
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/19421
Tipo: Dissertação
Título: Percepção dos internos e recém-egressos do curso de medicina da PUC-SP sobre sua formação para atuar na Atenção Primária à Saúde
Título(s) alternativo(s): Assessing the interns opinion about their skill to work at Primary Care of the Unified Health System in Brazil
Autor(es): Poles, Tatchia Puertas Garcia
Primeiro Orientador: Almeida, Fernando Antônio de
Resumo: a Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde (FCMS) da PUC/SP iniciou, em 2006, uma reforma curricular do Curso de Medicina e um novo Projeto Pedagógico baseado nas Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Medicina de 2001(DCN). Nesta organização curricular, a Prática em Atenção à Saúde é um módulo horizontal com seus eixos desenvolvidos do 1º ao 6º ano, tendo a problematização como estratégia central de ensino-aprendizagem, realizado em vários cenários de prática, priorizando a AP. Objetivo: avaliar se o aluno de medicina, no final do curso e recém-egresso, se julga preparado para atuar na APS, identificar os pontos positivos e negativos da sua formação e contribuir para os ajustes necessários identificados por este estudo, para melhorar o curso de medicina da FCMS da PUC/SP. Método: Questionário aberto e com questões de múltipla escolha em escala Likert respondido por 66 internos e 08 recém-formados. Resultados: 58% dos participantes se sentem bem preparados e 14% muito bem preparados para atuar na AP como generalista, de maneira humanista, crítica e reflexiva, com competências para desenvolver ações de prevenção, promoção e reabilitação de saúde, de acordo com a hierarquização do SUS e valorizando o trabalho multiprofissional. Foram considerados pontos positivos: a inserção do aluno na AP, desde o início do curso, favorecendo a humanização da relação médico–paciente e o conhecimento das doenças mais prevalentes. Os pontos mais negativos relatados foram: pouco atendimento médico, ao longo do estágio, visitas domiciliares sem a presença do preceptor e a desvalorização da APS. Conclusões: Os internos, no final do curso, sentem-se preparados e seguros para atuar na AP na forma preconizada nas DCN e oferecem sugestões críticas para melhorar o ensino/aprendizagem neste cenário
Abstract: The medical course of the Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) started in 2006 a curricular reform introducing a new pedagogic project based on the 2001 National Curricular Guidelines for the Graduation Course in Medical Schools and centred in active methods of teaching/learning. In this curriculum, Practice in Health Attention (PHA) is a horizontal module carried out, from the first through sixth year, in several practice scenarios, prioritizing Primary Care (PC). Objective: To evaluate according to the 6th year interns if the medical course, particularly the PHA, ensures the required skills to work as a generalist physician at the PC of the Unified Health System (UHS). Methods: A structured questionnaire with multiple choice questions in Likert scale and three open questions were answered by 66 interns and 8 recently graduated medical doctors. Results: Participants consider that they are well prepared (58%) or very well prepared (14%) to work at the PC as a generalist, being humanistic, critic and reflexive, with skills to conduct actions in health prevention, promotion and rehabilitation according to the UHS hierarchy, and valuing multi-professional interaction. Students consider as curriculum positive points: the insertion at the PC since the beginning of the course, favouring the humanization of doctor/patient relationship and the knowledge of the most prevalent diseases. As negative points they reported: inadequate structure at the PC to receive the students; they feel less prepared to solve common complaints; few activities in multi-professional teams; little knowledge about the functioning structure of the UHS and home visiting without the teacher. Conclusions: After the curriculum reform, interns at the end of the course feel themselves prepared and secure to work at the PC of the UHS in the way proclaimed in the National Curricular Guidelines and the Pedagogical Project of the PUC-SP medical course, and offer critical suggestions to improve teaching/learning at this scenario
Palavras-chave: Atenção Primária à Saúde
Educação Médica
Avaliação educacional
Primary Health Care
Medical education
Educational evaluation
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Médicas e da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde
Citação: Poles, Tatchia Puertas Garcia. Percepção dos internos e recém-egressos do curso de medicina da PUC-SP sobre sua formação para atuar na Atenção Primária à Saúde. 2016. 64 f. Dissertação (Mestrado em Educação nas Profissões da Saúde) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação nas Profissões da Saúde, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Sorocaba, 2016.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19421
Data do documento: 4-Out-2016
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Educação nas Profissões da Saúde

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Tatchia Puertas Garcia Poles.pdf769,6 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.