???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19232
Tipo do documento: Dissertação
Título: Entre o chucro e o chique: um país em busca de um conceito
Autor: Moraes, Paulo Alexandre de 
Primeiro orientador: Mira, Maria Celeste
Resumo: A presente dissertação de mestrado tem como objetivo analisar as interpretações construídas sobre o processo de incorporação de novos consumidores, vivenciado no Brasil durante o segundo mandato presidencial de Luís Inácio Lula da Silva e o primeiro de Dilma Rousseff; fenômeno este vulgarmente denominado como “Ascensão da Nova Classe Média”. Neste sentido, os questionamentos que atravessam este estudo se referem tanto as circunstancias necessárias para a inclusão desta massa de compradores ao mercado de bens e serviços, quanto as tensões sociais geradas pela sua chegada a este novo estrato social. A hipótese inicial é que a integração de um enorme aglomerado de novos consumidores mobilizou dois tipos diferentes de discurso: por um lado, aqueles que enxergaram o movimento sob o prisma da “democratização” dos bens de consumo e da expansão de formas de cidadania no corpo social; e por outro, os que desaprovam a falta de excelência e a baixa qualidade deste processo de inserção. O estudo inicia com um confronto bibliográfico sobre ideais normativos na cidadania democrática e a concepção de “dois Brasis” a partir, principalmente, de obras dos seguintes autores: Cícero Araújo, Jessé de Souza, Gildo Marçal Brandão e Nísia Trindade Lima; e de conceitos como civismo, plebeísmo, sertão e ralé. Na sequência, desenvolve-se uma discussão sobre a construção dos conceitos de classe e classe média no contexto geral, com vistas a compreender as origens e procedências da ideia de “nova classe média”. Após contextualizar brevemente a ascensão destes novos consumidores, a análise centra fogo na relação entre cidadania e consumo nas sociedades contemporâneas. Sendo assim, tendo em tela o caso do nosso “Boom de Consumo”, problematizaremos o quão tênue são os limites entre os dois polos, sendo que desta ambiguidade vital, constituiremos a chave explicativa tanto para compreender os posicionamentos da intelligentsia nacional perante o fenômeno, quanto para esboçar uma teoria explicativa para o cenário de desconforto e cotejo dos consumidores “habituais” com relação ao consumidor “chucro”
Abstract: This master's thesis aims to analyze the interpretations built on the process of incorporation of new consumers, lived in Brazil during the second presidential term of Luiz Inacio Lula da Silva and the first of Dilma Rousseff; a phenomenon commonly referred to as "Rise of the New Middle Class". In this sense, the questions that run through this study refer both the circumstances necessary for the inclusion of this mass of buyers to the market of goods and services, the social tensions generated by his arrival in this new social stratum. The initial hypothesis is that the integration of a huge cluster of new consumers mobilized two different types of discourse: on the one hand, those who saw the movement from the perspective of "democratization" of consumer goods and the expansion of forms of citizenship in the body social; and on the other, those who disapprove the lack of excellence and the low quality of this integration process. The study begins with a bibliographic discussion on normative ideals in democratic citizenship and the concept of "two Brazils" from mainly works of the following authors: Cicero Araujo, Jesse de Souza, Gildo Marcal Brandao and Nísia Trindade Lima; and concepts such as civics, vulgarism, and backwoods riffraff. Following, develops a discussion of the construction of the concepts of class and middle class in the general context in order to understand the origins and origins of the idea of "new middle class". After briefly contextualize the rise of these new consumers, the analysis focuses fire on the relationship between citizenship and consumption in contemporary societies. Thus, in the screen the case of our "Consumer Boom", we question how tenuous are the boundaries between the two poles, and this vital ambiguity, shall constitute the explanatory key both to understand the positions of the national intelligentsia to the phenomenon, and to outline a theory to explain the discomfort scenario and comparing consumers 'usual' in relation to the consumer "untamed"
Palavras-chave: Cidadania
Classes sociais
Consumo
Citzenship
Social classes
Consumption
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Moraes, Paulo Alexandre de. Entre o chucro e o chique: um país em busca de um conceito. 2016. 96 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/19232
Data de defesa: 9-Sep-2016
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Paulo Alexandre de Moraes.pdf406,49 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.