???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18385
Tipo do documento: Dissertação
Título: Aspectos interdisciplinares da teologia da criação desde a relação da exegese de Gn 1,1-2,4a e do princípio cosmológico antrópico
Título(s) alternativo(s): Interdisciplinary aspects of the Theology of Creation as derived from the relationship between the exegesis of Gn 1, 1-2.4a and the Cosmological Anthropic Principle
Autor: Padilha, Alyson Augusto 
Primeiro orientador: Blank, Renold
Resumo: A presente dissertação é uma reflexão interdisciplinar sobre a Teologia da Criação. Seu objetivo é apresentar uma análise teológica sobre a origem do universo e a relevância do fenômeno inteligente no seu interior, a partir da relação entre a Cosmologia, de modo específico, do Princípio Cosmológico Antrópico e a narrativa da criação de Gn 1, 1-2,4a. Sua realização justifica-se pela necessidade de recuperar o cosmo na reflexão teológica, bem como, pela dificuldade que a Teologia encontra para lidar com temas oriundos da Cosmologia, especificamente sobre a origem do universo. A hipótese básica é a relação incondicional de interdependência que o homem possui com o universo. Somente no interior do cosmo é possível pensar a importância do fenômeno inteligente humano. Ora, se a Teologia compreende que Deus é o criador, ela necessita explicitar as mediações adequadas para afirmar como Deus é o criador do universo. No presente trabalho recorreu-se ao expediente metodológico do confronto conceitual, entre a concepção teológica da criação expressa na narrativa de Gn 1,1-2,4a e aquela expressa pela formulação do Princípio Cosmológico Antrópico. Como resultado obtido, destaca-se: a impossibilidade da utilização das descobertas cosmológicas e de suas concepções, para comprovar a existência de um ser criador; a conexão do homem com o universo; o fortalecimento de uma visão teológica que sustenta que o fenômeno inteligente não é uma causalidade eficiente no cosmo, mas que gesta uma causa final para o mesmo; a convergência das reflexões teológicas e cosmológicas para uma ética ecológica, como forma de respeito e cuidado para com o processo evolutivo da vida
Abstract: This essay is an interdisciplinary reflection of the Theology of Creation. It aims to present a theological analysis of the origin of the universe as well as the prominent part played in it by the intelligent phenomenon, based on the relationship between Cosmology, specifically the Cosmological Anthropic Principle, and the narrative of Creation on as described in Gn1, 1-2.4a. This study is justified by the necessity of bringing the cosmos back to the theological reflection, on the one hand, while, on the other, by the difficulty experienced by Theology as it deals with subjects related to Cosmology, specifically the origin of the universe. The basic hypothesis is the unconditional relationship of interdependency that exists between man and universe. Actually, it is only within the cosmos that the intelligent phenomenon can be fully realized. Therefore, if Theology understands God as the Creator, it follows that Theology has to make clear the proper mechanism that enable it to assert that God is the Creator of the universe. The work adopts the methodological approach of conceptual parallelism, that is, the theological understanding of creation as it is read in the narrative of Gn 1, 1-2.4a, and the one defined by the Cosmological Anthropic intelligent Principle. In the end, the present work leads to the following remarkable conclusions: the impossibility of using the cosmological discoveries and their conceptions to attest the existence of a Creator; the connection between man and universe; the strengthening of a theological view that realizes the intelligent phenomenon not as an efficient cause in the cosmos, but as the originator of a finality to it; a convergence of both theological and cosmological reflections to an ecological ethics as a way to respect the evolutive process of life, and, as a consequence, to care for it
Palavras-chave: Teologia da Criação
Princípio Cosmológico Antrópico
Soteriologia e ecologia
Theology of creation
Cosmologial Anthropic Principle
Soterolgy and ecology
Biblia -- A. T. -- Genesis -- Comentarios
Criacao
Cosmologia
Evolucao
Teologia natural
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::TEOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Teologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Teologia
Citação: Padilha, Alyson Augusto. Interdisciplinary aspects of the Theology of Creation as derived from the relationship between the exegesis of Gn 1, 1-2.4a and the Cosmological Anthropic Principle. 2009. 288 f. Dissertação (Mestrado em Teologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18385
Data de defesa: 1-Dec-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Teologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alyson Augusto Padilha.pdf1,2 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.