???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18053
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorBezerra, William-
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4292061U4por
dc.contributor.advisor1Basbaum, Sérgio Roclaw-
dc.date.accessioned2016-04-29T14:22:49Z-
dc.date.available2010-10-22-
dc.date.issued2010-10-05-
dc.identifier.citationBezerra, William. The influence of the databases in digital culture. 2010. 138 f. Dissertação (Mestrado em Mídias Digitais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.por
dc.identifier.urihttps://tede2.pucsp.br/handle/handle/18053-
dc.description.resumoNeste trabalho, analisaremos os bancos de dados e suas influências dentro da cultura digital. Evidenciaremos que a utilização de bases de dados e de aplicativos que seguem a sua lógica é cada vez mais predominante na cultura digital, mesmo que isso geralmente não seja percebido, por não haver um contato direto entre os usuários e os dados armazenados. Dada esta predominância, questionaremos se, ao utilizarmos os bancos de dados, pode ocorrer alguma interferência na nossa apreensão e percepção de mundo, de forma que elas sejam mais binárias, dicotômicas, ordenadas e objetivas, ou seja, em conformidade com a lógica dos bancos de dados e suas estruturas formais de catalogação e disponibilização de dados. Para averiguar esses questionamentos, elaboraremos uma análise crítica sobre a concepção dos bancos de dados, desde os modelos de dados até sua implementação e utilização (Date). Com isso, demonstraremos como as idéias para o projeto, a princípio informais, formalizam-se mediante as escolhas dos seus criadores e as imposições e regras das estruturas de dados binárias, finalmente culminando em um produto acabado que é, enfim, liberado para utilização (Setzer). Em seguida, veremos como toda esta formalização e as principais funcionalidades dos bancos de dados e das tecnologias digitais como um todo , advêm de pressupostos definidos em sua fase de desenvolvimento inicial, dentro de um contexto militar de poder e controle (Gere), também baseados em alicerces quantificadores (Crosby) e visuais (Crary), herdados e repassados ao digital. Por último, realizaremos um estudo de um caso prático fundamentado nos pressupostos discutidos no transcorrer de todo o trabalho e focado principalmente na lógica dos bancos de dados (Manovich), confirmando sua presença em todas as circunstâncias, sendo utilizada inclusive para catalogar coisas, a princípio fluídas, como por exemplo, os sentimentospor
dc.description.abstractThis work is intended to analyze databases and its influence among digital culture. We will show that database usage and database logic are becoming more common than ever in this culture and it is implicit to users. Once we realize this predominance, we ask if database usage can affect the way we understand the world, making this interaction more binary, dichotomous, ordered and more objective, like database logics would do with its formal structures of cataloging and data availability. To answer this question we will analyze database designs, from data modeling to creation and use (Date). Thus, we show how the ideas of a project, initially informal, become formal though the project designer's choices and binary data structure rules, ending up in a product released for use (Setzer). After that, we will see how all of this formal mode including main database features - and digital technology features - come from the military environment of power and control (Gere), also based on quantifier (Crosby) and visual models (Crary) transferred to digital model. Finally, we wrote a case study based on what we have discussed, mainly focused on database logic (Manovich), confirming its presence on all ways, even storing untouchable things, like feelingseng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2016-04-29T14:22:49Z (GMT). No. of bitstreams: 1 William Bezerra.pdf: 1607820 bytes, checksum: 4afe5e46e8660114b8394ab613a32637 (MD5) Previous issue date: 2010-10-05eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://tede2.pucsp.br/tede/retrieve/37052/William%20Bezerra.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherPontifícia Universidade Católica de São Paulopor
dc.publisher.departmentMídias Digitaispor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsPUC-SPpor
dc.publisher.programPrograma de Estudos Pós-Graduados em Tecnologia da Inteligência e Design Digitalpor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectBanco de dadospor
dc.subjectModelo de dadospor
dc.subjectTecnologia digitalpor
dc.subjectCultura digitalpor
dc.subjectDatabaseseng
dc.subjectData modelseng
dc.subjectDigital technologyeng
dc.subjectDigital cultureeng
dc.subject.cnpqCNPQ::OUTROSpor
dc.titleA influência dos bancos de dados na cultura digitalpor
dc.title.alternativeThe influence of the databases in digital cultureeng
dc.typeDissertaçãopor
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Tecnologia da Inteligência e Design Digital

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
William Bezerra.pdf1,57 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.