???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17406
Tipo do documento: Dissertação
Título: Uma crítica à lógica do capital da sociedade de consumo contemporânea: a contribuição da psicanálise lacaniana na perspectiva de Slavoj i ek
Título(s) alternativo(s): A criticism to the capitalist logic of the contemporary consumption society: a perspective from the lacanian psychoanalysis based on i ek
Autor: Dias, Brendali 
Primeiro orientador: Pacheco Filho, Raul Albino
Resumo: Este trabalho pretende fazer uma crítica à lógica do capitalismo de consumo da sociedade contemporânea. Nossa crítica toma como premissa principal a nocividade da forma de manutenção desta lógica pela promessa de completude e foraclusão do objeto a. A pesquisa foi desenvolvida a partir da teoria psicanalítica lacaniana à luz de Slavoj i ek, que dela se utiliza para propor uma teoria social e política crítica aos ditames da lógica do capital. i ek aponta que a lógica do capital se mantém a partir de uma proposta que leva o sujeito a considerar que há uma impossibilidade de escapar desta lógica e com isso torna-se conivente com ela ao encarar o consumo como única forma de aplacar suas angústias. Em conseqüência dessa busca de aplacar suas angústias, o sujeito é seduzido pela promessa de completude, encarando as ofertas de objetos/mercadorias como uma maneira de se sentir acolhido pelo social a partir delas, consumindo indiscriminadamente. A partir das colocações de i ek, que usa como base de sua crítica a teoria psicanalítica lacaniana, discutimos o lugar do sujeito nesta lógica, e suas alternativas para escapar dela. Problematizamos o consumismo no capitalismo, levantando um questionamento sobre o por quê de o sujeito se posicionar de maneira tão complacente diante dessa lógica. Refletimos, ainda, sobre o uso que o sistema capitalista faz das tecnologias aliadas à ciência, que têm sido apresentadas pela mídia como capazes de gerar um estado de completude, que nunca é encontrado, conduzindo a sociedade a graves patologias. Essas patologias, encaradas como sintoma pela psicanálise, são apontadas como revolta contra essa lógica. O sintoma, portanto, revelase como forma de o sujeito mostrar seu descontentamento com a lógica do capital, sendo também a chance de o sujeito escapar dela. Finalmente, apresentamos a proposta de i ek em fazer emergir um posicionamento político do sujeito contra o impossível da lógica do capital para possibilitar alternativas que permitam escapar desta lógica colocando a necessidade de se arriscar o impossível para além do imposto pela lógica do capital
Abstract: This project aims to criticize the logic of the consumption capitalism in the contemporary society. Our criticism takes as its major premise the harmfulness of the way this logic is kept through the promise of completeness and foreclosure of object a. The research was developed as from the Lacanian psychoanalytic theory based on Slavoj i ek, which makes use of it to propose a critical social and political theory against the dictates of the logic of capital. i ek points out that the logic of capital keeps itself as from a proposal which takes the subject to consider that it is impossible to escape this logic and with that becomes conniving with it to face the consumption as the only way to calm his/her afflictions. As a result of this pursuit to calm his/her afflictions, the subject is seduced by the promise of completeness, facing the offers for objects/goods as a way to feel welcomed by social through them, consuming indiscriminately. Based on i ek s arguments, who uses as a base for his criticism the Lacanian psychoanalytic theory, we discuss the place of the subject in this logic, and his/her alternatives to escape from it. We put in doubt the consumerism in capitalism, raising the inquiry about why the subject places himself/herself in such a complacent way towards this logic. We reflect, yet, on the use made by the capitalist system of the technologies associated to science, which have been presented by the media as capable of generating in subject a completeness state, which is never found, leading the society to severe pathologies. These pathologies, faced as symptom by psychoanalysis, are pointed out as rebellion against this logic. The symptom, therefore, manifests itself as a way for the subject to show his/her dissatisfaction with the logic of capital, being also the chance for the subject to escape from it. Finally, we introduce i ek s proposal to bring a political position of the subject against the impossible of the logic of capital to enable alternatives which turn possible escaping from this logic, placing the need to risk the impossible beyond the imposed by the logic of capital
Palavras-chave: Psicanálise lacaniana
Lógica capitalista
Psychoanalysis
Consumption
Capitalist logic
Zizek, Slavoj -- 1949- -- Crtica e interpretacao
Capitalismo -- Aspectos sociais
Consumo (Economia)
Psicanalise
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Dias, Brendali. Uma crítica à lógica do capital da sociedade de consumo contemporânea: a contribuição da psicanálise lacaniana na perspectiva de Slavoj i ek. 2010. 92 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17406
Data de defesa: 14-Jun-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Brendali Dias.pdf749,78 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.