???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16837
Tipo do documento: Dissertação
Título: Comportamento de escolha: um estudo sobre efeito da variação simultânea da magnitude e do atraso do reforço a partir da replicação sistemática de Ferreira (2002)
Título(s) alternativo(s): Choice Behavior: a study on the effect of simultaneous variation of reinforcer magnitude and delay through a systematic replication of Ferreira (2002)
Autor: Fernandes, Gisele de Lima 
Primeiro orientador: Micheletto, Nilza
Resumo: O presente experimento trata de uma replicação sistemática de Ferreira (2002) com o objetivo de analisar o comportamento de escolha em crianças com desenvolvimento típico, a partir da variação simultânea da magnitude e do atraso do reforço. Os participantes, 6 crianças com idade de 5 a 6 anos estudantes de uma pré-escola de Ensino Público Estadual, foram expostos a uma atividade de escolha programada em esquema encadeado concorrente num computador. No elo inicial foi programado em cada um dos componentes, de modo independente, um esquema VI 15s. Posteriormente, na condição de linha de base cada um dos componentes era programado para produzir de forma distinta magnitude alta e baixa do reforço com atraso igual (linha de base magnitude) e atraso maior e menor do reforço com magnitude igual (linha de base atraso) e, na condição experimental, houve a variação simultânea da magnitude e do atraso do reforço. Na condição experimental foram manipuladas 4 fases, sendo que o atraso menor permaneceu constante (5 segundos), mas o atraso maior foi aumentado progressivamente no decorrer das fases (25 segundos fase 1, 35 segundos fase 2, 45 segundos fase 3 e 55 segundos fase 4). O período de atraso do reforço foi programado por Tempo Fixo (FT). Ao final do Tempo Fixo entrava em vigor o período de acesso ao reforço. Utilizou-se como reforço fichas de cores e tamanhos diferentes (ficha grande e verde correspondia à magnitude alta e ficha pequena e branca correspondia à magnitude baixa), ganhas num esquema FR5, que eram trocadas por brinquedos no final da sessão. Cinco fichas de magnitude alta eram trocadas por dois brinquedos e cinco fichas de magnitude baixa eram trocadas por um brinquedo. Os resultados encontrados revelam que, embora na fase de linha de base as crianças na maioria das tentativas responderam no componente que produzia magnitude alta sobre o que produzia magnitude baixa do reforço (linha de base magnitude) e no componente que produzia atraso menor sobre o componente que produzia atraso maior do reforço (linha de base atraso), quando houve manipulação simultânea dessas variáveis, responderam mais freqüentemente no componente que produzia magnitude alta do reforço apesar do atraso maior, mesmo com o aumento através das fases, chegando até 55 segundos. Os dados obtidos são discutidos nos termos da possível interferência dos procedimentos adotados e das propriedades reforçadoras das fichas, dos brinquedos e do próprio manusear do computador para a apresentação do comportamento de escolha de autocontrole.
Abstract: The present experiment is a systematic replication of Ferreira (2002) and aimed to analyze the choice behavior in typical developing children through the simultaneous variation of reinforcer magnitude and delay. The participants, 6 five to six year-old children who studied at a public state pre-school, were exposed to a computer choice task programmed in concurrent-chains schedule. In the initial link, there was a VI 15s schedule independently programmed in each component. Subsequently, in the baseline condition, each component was programmed to produce high and low reinforcer magnitude with the same delay (magnitude baseline) and long and short reinforcer delay with the same magnitude (delay baseline) and, in the experimental condition, there was a simultaneous variation of reinforcer magnitude and delay. There were 4 phases in the experimental condition, in which the short delay was kept at 5s, but the long delay was progressively increased throughout the phases (25s phase 1, 35s phase 2, 45s phase 3, 55s phase 4. The delay period was programmed in Fixed Time (FT). At the end of the Fixed Time, the reinforcement was made available. Tokens in different sizes and colors were used as reinforcers (big green token corresponded to high magnitude and small white token to low magnitude); they were produced in a FR5 schedule and were exchangeable for toys at the end of the session. Five high magnitude tokens were exchangeable for two toys and five low magnitude tokens were exchangeable for one toy. The results show that, although the children responded in the component that produced high reinforcer magnitude over the one that produced low magnitude (magnitude baseline) and in the component that produced a short reinforcer delay over the one that produced long delay (delay baseline) in most the trials of the baseline conditions, when these variables were simultaneously varied, the children responded more frequently in the component that produced higher reinforcer magnitude, although they were delayed, even with the increase up to 55s in delay through the phases. The data were discussed in terms of the possible interference of the procedures adopted and the reinforcing properties of the tokens, toys, and the response of using the computer over the choice and self-control behavior.
Palavras-chave: comportamento de escolha
autocontrole
impulsividade
criança e consumo
choice behavior
self-control
impulsiveness
children and consume.
Análise do comportamento
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento
Citação: Fernandes, Gisele de Lima. Choice Behavior: a study on the effect of simultaneous variation of reinforcer magnitude and delay through a systematic replication of Ferreira (2002). 2005. 238 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16837
Data de defesa: 25-May-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Gisele de Lima Fernandes.pdf7,53 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.