???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16807
Tipo do documento: Dissertação
Título: A contribuição de B. F. Skinner para o ensino do autocontrole como objetivo da educação
Autor: Nico, Yara Claro
Primeiro orientador: Luna, Sergio Vasconcelos de
Resumo: Este trabalho tem o objetivo de investigar como Skinner formula, ao longo de sua obra, o comportamento de autocontrole e, em decorrência, avaliar que elementos podem ser retirados para o planejamento de uma educação voltada para a instalação deste comportamento. Foram selecionados e analisados quarenta e quatro textos de Skinner. As análises evidenciaram que a noção skinneriana de autocontrole é antagônica à noção que ele define como tradicional, que o autocontrole apenas surge quando há conflito entre conseqüências positivas e aversivas, sendo estas últimas, em sua maior parte, providas pelo ambiente social e como o autoconhecimento, na forma de regras sobre o próprio comportamento, é requisito para autocontrole. A relação entre autocontrole e autogerenciamento também foi discutida. Por fim, conclui-se que uma educação voltada para instalação de autocontrole deveria ter tanto o objetivo de prevenir o estabelecimento de comportamentos que trazem maleficios ao grupo e que, por isso, são punidos socialmente quanto o de remediar os efeitos das punições que foram tornadas contingentes a comportamentos altamente reforçados. O ensino de autocontrole é considerado sob a forma de grandes princípios, no que se refere a aspectos relacionados à formação para novas contingências futuras
Abstract: The objective of this work is to examine how Skinner formulates self-control behavior throughout his writings and, according to his formulation, what elements could be drawn to an educational program to develop self-control. Forty-four writings by Skinner were selected and analyzed. The analysis allowed to point out that Skinner's notion of self-control is antagonistic towards that he defines as the traditional view; that self-control is produced only when there is conflict between positive and aversive consequences (the latter being primarily provided by the social environment) and how selfknowledge is a prerequisite for self-control. The relation between self-control and self-management was also discussed in this work. Fin ally , it was concluded that an educational program to develop self-control should both prevent behavior punished by the group and remedy the effects of punishment that were made contingent on powerfully reinforced behavior. It was considered how teaching self-control prepares individuaIs to future contingencies
Palavras-chave: Autoconhecimento
Autocontrole
Educacao
Selfknowledge
Self-control
Education
Skinner, Burrhus Frederic -- 1904-1990
Controle (Psicologia)
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento
Citação: Nico, Yara Claro. A contribuição de B. F. Skinner para o ensino do autocontrole como objetivo da educação. 2001. 253 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2001.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16807
Data de defesa: 21-Feb-2001
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Yara Claro Nico.pdf11,23 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.