???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16796
Tipo do documento: Dissertação
Título: A relação entre o comportamento verbal e o não verbal de crianças na escolha do lanche
Título(s) alternativo(s): The relation between the verbal and non verbal behavior of children in the choice of the snack
Autor: Melo, Maria Elisa Midlej Pereira de
Primeiro orientador: Pereira, Maria Eliza Mazzilli
Resumo: Diversos estudos vêm analisando tratamentos que interferem na ocorrência de correspondência entre o comportamento verbal e o não verbal. Apesar disso, o papel da verbalização para a emissão do comportamento não verbal correspondente, nos estudos sobre correspondência entre o dizer e o fazer, ainda não foi esclarecido. O presente trabalho teve o objetivo de combinar alguns tratamentos já utilizados por alguns dos estudos, com o intuito de verificar qual seria o papel da verbalização no controle do comportamento não verbal, utilizando um comportamento alvo diferente do que tem sido utilizado na maior parte dos estudos, e introduzindo algumas modificações no procedimento e no delineamento experimental. O comportamento alvo foi a escolha de alimentos considerados saudáveis para o lanche. Participaram do estudo 23 crianças entre 5 e 6 anos, com desenvolvimento normal, que estudavam numa mesma classe de uma Escola Municipal de Educação Infantil (EMEI). As condições experimentais introduzidas foram: linha de base, reforçamento da verbalização, reforçamento da obediência (verbalização do experimentador), reforçamento da correspondência, reforçamento do fazer e reforçamento da verbalização 2. As crianças foram divididas em 3 grupos, com 8, 5 e 7 participantes. A seqüência de apresentação dos tratamentos variou entre os grupos. Foi utilizado um delineamento de linha de base múltipla entre sujeitos de um mesmo grupo. Os resultados apontam que durante a fase de linha de base é baixa a freqüência de escolha de lanches mais saudáveis , mas é alta a freqüência de correspondência entre o comportamento verbal e o não verbal. Durante a fase de reforçamento da verbalização, é baixa a freqüência de escolha de lanches mais saudáveis e baixa a freqüência de correspondência entre o comportamento verbal e o não verbal. Na fase de reforçamento do fazer, é baixa a freqüência de escolha de lanches mais saudáveis apenas quando essa fase precede as de reforçamento da correspondência e reforçamento da obediência. Nas fases de reforçamento da obediência e reforçamento da correspondência, a freqüência de escolhas por alimentos mais saudáveis aumenta para os três grupos. Na fase de reforçamento da verbalização 2, a freqüência de escolha por alimentos mais saudáveis foi maior do que na fase de reforçamento da verbalização, sendo, portanto, mais alta a freqüência de correspondência. O presente estudo sugere que a verbalização tem um papel importante na produção da resposta alvo, porém pode ser proveniente tanto do participante quanto do experimentador
Abstract: Many studies have been analyzing treatments that intervene with the occurrence of correspondence between verbal and non verbal behavior. Nevertheless, the role of verbalization for the emission of the correspondent non verbal behavior, in the studies about correspondence between saying and doing, is not clear yet. The present work had the purpose to combine some treatments already used by some of the studies, with the intention to verify which would be the role of verbalization in the control of non verbal behavior, using a different target behavior than those that have been used in the most part of the studies, and introducing some modifications in the procedure and in the experimental design. The target behavior was the choice of food, considered healthful for the snack. 23 children between 5 and 6 years, with normal development, that studied in the same classroom of a Council School for children, participated of the study. The experimental conditions were: baseline, reinforcement of verbalization, reinforcement of compliance (experimenter s verbalization), reinforcement of correspondence, reinforcement of doing and reinforcement of verbalization 2. The children were divided in 3 groups, with 8, 5 and 7 participants. The sequence of presentation of the treatments varied between the groups. A of multiple baseline design between participants of the same group was used. The results pointed that during of baseline the frequency of choice of more healthful snacks is low, but the frequency of correspondence between verbal and non verbal behavior is high. During the phase of reinforcement of verbalization, the frequency of choice of more healthful snacks is low, and so is the frequency of correspondence between verbal and non verbal behavior. In the phase of reinforcement of doing, the frequency of choice of more healthful snacks is low only when this phase precedes the reinforcement of correspondence and the reinforcement of compliance. In the phases of reinforcement of compliance and reinforcement of correspondence, the frequency of choice of more healthful food increases for the three groups. In the phase of reinforcement of verbalization 2, the frequency of choice of more healthful food was higher than in the phase of reinforcement of verbalization, being, therefore, higher the correspondence frequency. The present study suggests that verbalization has an important role to provide the target response; however it can proceed from the participant as well from the experimenter
Palavras-chave: correspondência comportamento verbal - não verbal
comportamento verbal
relação dizer-fazer
análise do comportamento
verbal behavior
correspondence between verbal and non verbal behavior
relation between saying and doing
behavior analysis
Avaliacao do comportamento
Comportamento verbal
Comunicacao nao-verbal
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento
Citação: Melo, Maria Elisa Midlej Pereira de. The relation between the verbal and non verbal behavior of children in the choice of the snack. 2007. 77 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16796
Data de defesa: 16-May-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria E M P Melo.pdf469,45 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.