???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16753
Tipo do documento: Dissertação
Título: Efeitos do protocolo de estressores em ratos submetidos a um regime contínuo de privação de água
Autor: Silva, Paulo Eduardo da
Primeiro orientador: Malerbi, Fani Eta Korn
Resumo: O Chronic Mild Stress (CMS) tem sido descrito na literatura como um modelo experimental de anedonia, sintoma central na depressão em humanos. A anedonia tem sido estudada dentro desse modelo a partir do decréscimo no consumo de água com sacarose em ratos. Este resultado é geralmente observado após o animal ser submetido a um conjunto de estímulos estressores de forma moderada e crônica, durante seis semanas em média, O presente estudo teve como objetivo investigar os efeitos do Protocolo de Estressores em ratos submetidos a um regime contínuo de privação de água. Foram empregados 11 ratos machos, da linhagem Wistar. Todos os sujeitos foram submetidos a um esquema de privação de água até atingir 85% dos seus pesos ad lib. e foram mantidos nesses pesos durante todo o estudo. Foram empregados 13 testes de consumo de água e de água com sacarose, sendo que o Sujeito S7 só passou pelos testes de consumo dos líquidos. O Sujeito S3 foi submetido ao Protocolo de Estressores. O sujeito S5 passou pelas mesmas condições que o S3, exceto que o Protocolo de Estressores envolveu apenas o estressor agrupamento. Para os outros 8 sujeitos, primeiramente foram modeladas as respostas de pressão às duas barras, usando água como reforçador. Depois, esses 8 animais foram submetidos a um esquema Conc VI 5 seg VI 5 seg associado aos reforços água e água com sacarose (um para cada barra). Após quatro semanas nesse esquema de reforçamento esses animais foram submetidos ao Protocolo de Estressores por seis semanas consecutivas e ininterruptas nas suas gaiolas-viveiro. Durante o Protocolo, 4 sujeitos (S2, S6, S8, S10) também tiveram suas respostas de pressão à barra reforçadas num esquema Conc VI 5 seg VI 5 seg (grupo antes, durante e depois) e os outros 4 (S1, S4, S9, S11) não (grupo antes e depois). Ao término do Protocolo de estressores, esses 8 sujeitos foram submetidos novamente à condição de linha de base. Os principais resultados encontrados foram: (a) estabilidade nos pesos dos animais submetidos ao protocolo, (b) maior oscilação em relação ao consumo de água e de água com sacarose para o sujeito submetido apenas aos testes e ao protocolo, não demonstrando anedonia, (c) redução no consumo de ração e aumento no consumo de água na gaiola-viveiro durante o protocolo (d) o protocolo de estressores não foi acompanhada por uma alteração na distribuição de respostas reforçadas com água e água com sacarose, nem durante e nem após a suspensão do mesmo, e (e) o valor reforçador dos líquidos parece ter se alternado para alguns sujeitos ao longo da maioria das sessões. Discute-se o papel da privação contínua de água e as medidas utilizadas como indicativas a de anedonia
Abstract: The Chronic Mild Stress (CMS) has been described in the literature as an experimental model of anhedonia, central symptom of depression in humans. The anhedonia has been studied in this model looking for a decrease of water with sucrose consumption in rats. This result is usually observed after the animal had been subjected to a set of stressful stimuli in a moderated and chronical way, for six weeks in average. The present study aimed to investigate the effects of the Stressors Protocol in rats subjected to a continuous water deprivation regimen. Eleven male rats of Wistar lineage were studie,. All the rats were subjected to a water deprivation schedule until reaching 85% of their ad lib weights, and they were maintained at these weights for the whole study. Thirteen water and water with sucrose consumption tests were used for all the subjects, while S7 was exposed only to the liquids consumption tests. S3 subject was submitted only to the Stressors Protocol. S5 was exposed to the same conditions of S3, except that the Stressors Protocol involved only the grouping stressor. For the other eight subjects, first they had the bar press response to the two bars modeled, using water as reinforcement. Then these eight animals were subjected to a Conc VI 5 sec VI 5 sec reinforcement, each bar being associated to water or water with sucrose reinforcements (one for each bar). After four weeks in this reinforcement schedule these animals were subjected to the Stressors Protocol for six consecutive and uninterrupted weeks in their living cages. During the protocol, four subjects (S2, S6, S8 and S10) also had their bar press responses reinforced in a Conc VI 5 sec VI 5 sec schedule (group before, during and after). The other four rats (S1, S4, S9 and S11- group before and after) were not submitted to operant sessions as long as the Stressors Protocol was available. At the end of the phase when the Stressors Protocol was available, these eight subjects were again subjected to the base line condition. The main results were: (a) a weight stability for the animals subjected to the protocol, (b) a high alternation of water and water with sucrose consumption in the tests for the only subject submitted to the tests and to the protocol, not demonstrating anhedonia, (c) a reduction in the animal s food consumption and an increase of water consumption in the living cage during the protocol for seven subjects, (d) the stressors protocol was not followed by a modification of the distribution of water and water with sucrose reinforced responses by Conc VI 5sVI5s, neither during the protocol, nor after its cessation, and (e) it seems that the reinforcement value of the liquids alternated for some subjects over major of the sessions. The role of continuous water deprivation and the measures used as anhedonia indicators are discussed
Palavras-chave: Privação
Anedonia
Conc VIVI
Chronic Mild Stress
Deprivation
Anhedonia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento
Citação: Silva, Paulo Eduardo da. Efeitos do protocolo de estressores em ratos submetidos a um regime contínuo de privação de água. 2015. 71 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16753
Data de defesa: 8-Jul-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Paulo Eduardo da Silva.pdf1,27 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.