???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16747
Tipo do documento: Tese
Título: Coaching analítico-comportamental: estudos sobre efetividade de coaching feito por um analista do comportamento
Título(s) alternativo(s): Behavior analytic coaching: studies on the effectiveness of coaching done by a behavior analyst
Autor: Borges, Nicodemos Batista 
Primeiro orientador: Banaco, Roberto Alves
Resumo: Coaching tem sido uma prática de intervenção crescente no Brasil e no restante do mundo. Apesar do aumento da procura por este tipo de serviço, ainda são poucas as pesquisas que dão sustentação a esta prática. A Análise do Comportamento é um campo do saber multidimensional que tem como objeto de estudo o comportamento. Tem um corpo bem desenvolvido de pesquisas básicas, aplicadas e eixo teórico-filosófico, além de ter produzido uma série de tecnologias de mudança comportamental. A presente tese visa, de modo geral, discutir e aproximar este campo do saber desta prática de intervenção. Mais especificamente, a tese é composta de uma breve discussão a respeito de coaching e Análise do Comportamento e da apresentação de três estudos. O Estudo 1 visou discutir a efetividade do coaching, utilizando-se de medidas tradicionais (escalas e inventários), porém lançando mão de um delineamento de sujeito único, característico das pesquisas na área de Análise do Comportamento. Além disso, teve um segundo objetivo que foi verificar a efetividade da técnica/ferramenta To do , frequentemente utilizada por quem trabalha com coaching. O Estudo 2 caracteriza-se por ser um estudo de caso cujo objetivo foi verificar a efetividade do coaching, feito por um analista do comportamento, em desenvolver e/ou manter comportamentos que preparem o indivíduo para a aposentadoria, no sentido de ter planos de carreira, reserva financeira, zelar por relacionamentos que possam dar suporte na velhice (como familiar, afetivo e social) e cuidar da saúde. O Estudo 3 caracteriza-se por ser um estudo de caso cujo objetivo é verificar a efetividade do coaching, feito por um analista do comportamento, para desenvolver autonomia de pensamento ou comportamento do tipo Tracking. Para estes estudos, foram participantes da pesquisa duas pessoas que procuravam um serviço de coaching, um profissional de coaching analista do comportamento e um observador externo. As intervenções consistiram de um pacote de dez reuniões de coaching individuais para cada cliente. Nestas reuniões foram discutidos os objetivos de cada um e foram feitas as intervenções individualizadas visando manejar contingências que instalassem e/ou mantivessem os comportamentos relacionados aos objetivos do coaching. Como medidas de resultado, foram utilizadas diferentes medidas, desde as convencionais como escalas e inventários (e. g. BDI, IDATE, etc.) até medidas diretas da evolução dos comportamentos que ocorriam nas reuniões de coaching. Os resultados dos estudos indicaram que o coaching feito por um analista do comportamento foi efetivo para ambos os clientes independente do meio de mensuração utilizado, tanto lançando mão de comparações de resultados de escores de instrumentos tradicionais obtidos antes e após o coaching (Estudo 1), como por meio de medidas oriundas de observações diretas. As intervenções foram capazes de promover tanto o engajamento para aposentadoria (Estudo 2), quanto autonomia de pensamento (Estudo 3). Além disso, o Estudo 1 apresenta evidências que a técnica/ferramenta To do é efetiva em evocar comportamentos relacionados aos objetivos do coaching, ou seja, comprometimento
Abstract: Coaching has been a growing intervention practice in Brazil and worldwide. Despite the increase in demand for this service, there are few researches to ground this practice. Behavior Analysis is a multidimensional field of knowledge, which object of study is behavior. It has well developed body of basic and advanced research and theoreticalphilosophical axis, and it has also produced a set of technologies for behavioral change. This thesis aims, in general, to discuss and this intervention practice through the optical lens of Behavior Analysis. More specifically, the thesis consists of a brief discussion of coaching and behavior analysis and presentation of three studies. Study 1 aimed to discuss the effectiveness of coaching using traditional measurements (scales and inventories), but using single subject design, respecting tradition in Behavior Analysis when delineating studies. Also, a second goal was to verify the effectiveness of the To do technique/tool, often used by those who work with coaching. Study 2 is a case study aimed to verify the effectiveness of coaching, conducted by a behavior analyst, to develop and/or maintain behaviors which prepare the individual for retirement, as in having career plans, financial reserve, care for relationships which can support her in old age (such as family, emotional and social relationships) and health care. Study 3 is a case study aimed to assess the effectiveness of coaching, conducted by a behavior analyst, to develop autonomy of thought or the Tracking kind of behavior. These studies had as participant two clients who were looking for coaching service, one behavior analyst coaching professional, and an external observer. The interventions consisted of ten individual coaching meetings for each client. In such meetings, the objectives of each client were discussed and individualized interventions were performed in order to handle contingencies that established and/or maintained behaviors related to coaching objectives. To measure result, different measurement were used, from conventional such as scales and inventories (e. g. BDI, STAI, etc.) to direct measurements of the evolution of behavior occurring during coaching meetings. The results of the studies indicated that coaching conducted by an behavior analyst was effective for both clients irrespective of the means of measurement used, both if resorting to comparison of results of traditional scoring instruments obtained before and after coaching (Study 1), as through measurements derived from direct observations. The interventions were effective in promoting both the engagement for retirement (Study 2) and the freedom of thought (Study 3). In addition, Study 1 presents evidence that the To the technique /tool is effective in evoking behaviors related to coaching objectives, that is, commitment
Palavras-chave: Coaching
Análise do comportamento
Compromisso
Intervenção comportamental
Coaching analítico-comportamental
Coaching
Behavior analysis
Commitment
Behavioral intervention
Behavior analytic coaching
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento
Citação: Borges, Nicodemos Batista. Behavior analytic coaching: studies on the effectiveness of coaching done by a behavior analyst. 2015. 235 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16747
Data de defesa: 27-Mar-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Nicodemos Batista Borges.pdf2,06 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.