???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16656
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise dos procedimentos de Fading e Exclusão na aquisição de discriminações condicionais e na formação de classes de estímulos equivalentes
Autor: Bagaiolo, Leila Felippe
Primeiro orientador: Micheletto, Nilza
Resumo: O objetivo deste trabalho foi analisar o desempenho de participantes expostos aos procedimentos de Fading e Exclusão, na aquisição de discriminações condicionais auditivo-visuais e formação de classes de estímulos equivalentes, compostas por figuras e as respectivas palavras impressas e ditadas. Os participantes foram 6 crianças, de 4 a 5 anos de idade, que passaram por uma avaliação relativa ao repertório de leitura, o que assegurou que os mesmos não eram alfabetizados. Durante o treino para o estabelecimento de discriminações auditivo-visuais foi utilizado o matching-to-sample no treino com Fading in dos estímulos de comparação incorretos e no treino com Exclusão. Três participantes foram expostos, primeiramente, ao treino de discriminações condicionais auditivo visuais com Fading para dois grupos de estímulos (cada grupo contém 3 pares de estímulos compostos por palavras escritas e os respectivos sons das mesmas); após esta primeira etapa, os mesmos participantes foram expostos ao procedimento de Exclusão para o treino de mais dois grupos de estímulos diferentes. Inversamente, os outros três participantes foram expostos primeiramente ao procedimento de Exclusão e depois ao procedimento de Fading. Anteriormente ao treino com os procedimentos com Fading e Exclusão, os participantes foram expostos a um Treino Preliminar para o estabelecimento de discriminações condicionais relativas a um conjunto de 3 pares de estímulos também formados por palavras ditadas e impressas, que formam utilizados em tentativas aí Controle disponibilizadas durante o treino com Fading e Exclusão; nestas tentativas, um estimulo anteriormente treinado (definido) era disponibilizado como estimulo de comparação correio. Os dados obtidas por meio de uma análise geral apontaram que ocorreram mais erros durante a condição de Treino Preliminar que nas condições de Fading e Exclusão (respectivamente, 177, 36 e 19 erros), indicando que na condição de Exclusão ocorreram menos erros; a menor ocorrência de erros durante a Exclusão foi preponderante quando esta condição foi disponibilizada na última parte do treino. Uma análise molecular do desempenho de cada participante, tentativa por tentativa, revelou diferentes padrões de aquisição de relações condicionais; durante a Exclusão a ocorrência de erros tende a concentrar-se nas primeiras tentativas e, durante o Fading esta tendência desloca-se para o final do treino, quando os estímulos de comparação foram disponibilizados com a mesma tonalidade. Também foram observadas diferenças individuais quanto à rapidez, acúmulo de erros e aquisição abrupta ou gradual no ensino de discriminações condicionais. O desempenho dos participantes durante os testes de equivalência apontou que classes de estímulos equivalentes foram geradas tanto após o treino com procedimento de Fading, quanto após o treino na condição de Exclusão; os erros que ocorreram na etapa de teste de equivalência foram concentrados nas relações de transitividade (5 erros), equivalência (7 erros) e na nomeação de palavras impressas (2 erros). A emergência das relações de transitividade e equivalência e, de nomeação de figuras demonstraram que os participantes adquiriram os repertório leitura compreensiva e comportamento textual
Abstract: The aim of this work was to assess the performance on the acquisition of auditory-visual conditional relations and in the emergence of equivalent stimulus classes (pictures and their respective printed and spoken words) of participants exposed to Fading and Exclusion Procedures. Six children between 4 and 5 years of age participated in the study and, after a careful assessment of their reading skills, it was concluded that they could not read and write yet. Matching-to-sample was employed to establish the auditory-visual relations for the Fading in training of incorrect comparison stimuli and for the Exclusion training. Three participants were first exposed to the Fading procedure using two stimuli groups (each group composed of three stimuli pairs made up of written words and their corresponding sounds); subsequently, the same participants were exposed to the Exclusion procedure using two other groups of stimuli. Conversely, the other three participants were first exposed firstly to the Exclusion procedure and then to the Fading procedure. Before exposure to the Fading and Exclusion procedures, participants were exposed to a Preliminary Training for the establishment of conditional relations referring to a set of three stimuli pairs of spoken and printed words, used at Control trials provided during the training with Fading and Exclusion; at these trials, a previously explored (defined) stimulus was the correct comparison stimulus. A general data analysis indicated that more errors occurred during the Preliminary Training condition than during Fading and Exclusion (respectively, 177, 36 and 19 errors), showing that fewer errors took place during the Exclusion condition. The smallest amount of errors during Exclusion was predominant when it was ~he last condition. A molecular analysis of every participant, at each trial, showed different acquisition patterns of conditional relations; during Exclusion,` errors tended to occur mostly in the first trials, while during Fading this tendency shifted to the end of the training, when the comparison stimuli had the same colour intensities . Individual differences as to speed, error accumulation and sudden or gradual acquisition were also noticed. The participants' performances in the equivalence tests revealed that equivalent stimuli classes were generated after both, Fading and Exclusion training conditions; errors that took place in the equivalence test phase were concentrated in the transitivity relations (5 errors), equivalence (7 errors) and in the naming of printed words (2 errors). The emergence of the equivalence and transitivity relations as well as the naming of pictures proved that participants acquired reading comprehension and textual behaviour
Palavras-chave: Discriminacao condicional
Ex|clusao
Relacoes equivalentes
Conditional discrimination
Matching-to-sample
Fading
Exclusion
Equivalence relations
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA EXPERIMENTAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento
Citação: Bagaiolo, Leila Felippe. Análise dos procedimentos de Fading e Exclusão na aquisição de discriminações condicionais e na formação de classes de estímulos equivalentes. 2003. 154 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2003.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16656
Data de defesa: 30-Nov-2003
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia Experimental: Análise do Comportamento

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Leila Felippe Bagaiolo.pdf8,6 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.