???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16605
Tipo do documento: Dissertação
Título: Representações sociais e Memória: Um estudo sobre processos de mudanças em professores
Autor: Carvalho, Marcel Ercolin
Primeiro orientador: Sousa, Clarilza Prado de
Resumo: Desde o ano 1995, as escolas da Rede Escolar SESI/SP procuram redirecionar as práticas de ensino nelas existentes. A partir do ano de 2001, iniciou-se nesta Rede a construção de um Referencial Curricular único para todas as suas escolas Tenta-se, com isso, construir uma educação mais democrática apontando para uma melhoria na qualidade do ensino proporcionado pela instituição SESI-SP. Este trabalho propõe estudar a Representação Social dos professores de História da Rede Escolar SESI/SP sobre o processo de mudança do qual estão participando. Nesse sentido, procurou-se compreender como ocorre o processo de ancoragem dessa Representação. Por meio de uma abordagem psicossocial produziu-se um diálogo entre a Teoria das Representações Sociais de Moscovici, a Nova História de Bloch e Braudel e a Teoria sobre Memória de Halbwachs, objetivando compreender a dinâmica do real como totalidade, constituída histórica e socialmente. Os dados foram tratados por meio de quatro fases: a Análise de Conteúdo na qual foram eleitas algumas categorias e subcategorias. Na Segunda Fase, para compreender as implicações entre essas categorias e subcategorias foi utilizado o software denominado CHIC, que explicitou a maneira como essas implicações se configuram. Como terceira fase, o banco de dados foi submetido ao software ALCESTE produziu classes de palavras, possibilitando uma melhor compreensão das tendências do discurso. Na quarta e última fase, cruzou-se as categorias e subcategorias, construídas na análise de conteúdo, com as classes produzidas pelo software CHIC. Os resultados evidenciam que os professores encontram-se em processo de mudança, buscando argumentos que possam fundamentar a prática e ancorar suas representações sociais. Assim, o Programa de Formação de Professores da Rede Escolar SESI/SP não pode ser interrompido, sob pena de inutilizar todo o trabalho realizado até o presente.
Palavras-chave: representações sociais
formação continuada
Representação social
Professores - Formação profissional
Memória
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAO::PSICOLOGIA EDUCACIONAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação
Citação: Carvalho, Marcel Ercolin. Representações sociais e Memória: Um estudo sobre processos de mudanças em professores. 2005. 202 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16605
Data de defesa: 8-Aug-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TeseMarcelErcolinCarvalho.pdf893,16 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.