???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15564
Tipo do documento: Dissertação
Título: A consciência em Freud
Autor: Cesarotto, Marta Nora Oneto de
Primeiro orientador: Figueiredo, Luís Claudio Mendonça
Resumo: Este trabalho focaliza a consciência na teoria freudiana. Destacando o inconsciente como objeto da psicanálise, Freud nunca deixou de considerá-la como um fenômeno essencial, basta lembrar que a nomeação das três instâncias que constituem o psiquismo foi feita levando em conta, especialmente, a sua relação com a consciência. Em português a palavra consciência alude tanto ao atributo que permite o conhecimento de uma coisa, a representação mental que um organismo tem da própria existência ou do mundo externo, assim como designa a faculdade de distinguir o bem do mal, ou seja, o sentimento da moralidade e do dever. Na língua alemã, ambas acepções se apresentam discriminadas, a consciência psicológica corresponde o termo Bewusstsein que aponta para o conhecimento claro e concreto, enquanto que para a consciência moral, entendida como função da subestrutura superegoica. Freud optou por reservar o termo Gewissen que denota um saber com certeza, mas com um sentido mais abstrato. Esta pesquisa teórica acompanha o desenvolvimento da noção de consciência conjuntamente com o de consciência moral, desde 1895 até 1932, e foi norteada por uma frase presente na que Freud manifesta a necessidade de reavaliar o valor da consciência. Para o criador da teoria psicanalítica, a diversidade dos problemas da consciência, a tornavam um fenômeno refratário a qualquer explicação e definição. Por diversas vezes ao longo da obra, expressou a intenção de fazer uma investigação mais profunda a respeito da consciência, mas nunca chegou a concretizá-la
Abstract: This work focuses the place of conciousness in the freudian theory. Having the unconscious as the major concept in psycho-analysis, Freud did not neglect this essential phenomenon. For example, the three instances that divide the psychism were named by appointment. In Portuguese, the word conciousness means the atribute that alouds the knowledge about things, the mental representation that an aorganism has about his existence and the out-side world, and the faculty to difference good from bad, the sense of morality and duty. In German, the aceptions are discriminated, with the psychological conciousness refered as Bewusstsein, the clear and concrete knowledge. For the moral conciousness, looked as a superegoical function, Freud chosed the term Gewissen, a more abstract sense of knowledge. This theoretical research follows the development of the notions of coniousness and moral coniousness from 1895 to 1932, and was motivated by a quotation of Freud´s own words in his last years, about re-valuating the importance of conciousness, because of the diversity of concerning problems, and the complexity of explanations and definitions. In several times, he wrote about his intention to investigate more deeply in this particular matter, but never did it
Palavras-chave: consciência
consciência moral
inconsciente
conciousness
conscience
unconsciousness
Freud, Sigmund -- 1856-1939 -- Critica e interpretacao
Consciencia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Cesarotto, Marta Nora Oneto de. A consciência em Freud. 2006. 92 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15564
Data de defesa: 24-Nov-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PCL - Marta Nora Oneto de Cesarotto.pdf660,5 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.