???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15543
Tipo do documento: Tese
Título: Do espírito da coisa: um cálculo de graça
Autor: Slemenson, Karin de Paula
Primeiro orientador: Figueiredo, Luís Claudio Mendonça
Resumo: A presente tese aborda as operações envolvidas no percurso de uma psicanálise pelo viés da agudeza e dos efeitos do Witz, entendido, aqui, como traço espirituoso. Nesta perspectiva, o Witz engendra uma possibilidade de saberfazer com o sem sentido, sem pretender recusar sua condição de inapreensível. O percurso de uma análise é proposto, aqui, como aquele que implica a passagem de uma experiência dramática, vivida no cotidiano, à sua dimensão trágica, desnudada no contexto da análise. Tal passagem consiste num agravo da experiência vivida que teria trazido alguém para uma análise. Não sendo a psicanálise uma prática funesta, considerase um novo desdobramento da experiência, que compreenderia encontrar um traço espirituoso no lugar que, antes, para o analisante, parecia de morte. Esta seria, então, uma condição tanto do/para o percurso, como do final de uma análise, o que exigiria do analisando não só freqüentar o sem sentido de suas experiências, mas, também, a partir daí, dar o ar da graça e dizer ao que veio, inscrevendo, assim, uma participação singular na comunidade humana. Sacar o espírito d'A Coisa dependeria de um cálculo de graça realizado por aquele que se fizer apostador e suportar os agravos que a experiência psicanalítica propicia
Abstract: This thesis proposes an understanding of the operations that are involved in a psychoanalytic trajectory by means of the sharpness and the effects produced by the Witz, understood, here, as 'witty and spirituous trace'. In this perspective, the Witz generates a possibility of knowingtodo with the nonsense, without intending to refuse its condition of being impossible to grasp. The trajectory of a psychoanalytic process is proposed here as the one that demands the passage from a dramatic experience, lived in everyday life, to its tragic condition, which is unveiled in the context of the analysis. Such a passage means the aggravation of the lived experience that had brought someone to an analytical experience. Once psychoanalysis is not a sinister practice, the thesis considers a new unfolding of the psychoanalytical experience which would mean finding a trace of grace in the place that, for the one in analysis, was formerly of death. That would be thus a condition for and derived from the analytical trajectory, as well as for the end of a psychoanalysis which would request the one in analysis to coexist with the nonsense and, from this point on, to build his/her voice, therefore inscribing his/her singular participation in human community. Triggering the spirit of The Thing depends on a 'calculus of grace' to be made by the one who positions him/herself as being ready to bet his/her anguish and to afford the aggravations that are part of the psychoanalytic experience
Palavras-chave: Witz
Psicanalise
Witz
Psicanalise
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Slemenson, Karin de Paula. Do espírito da coisa: um cálculo de graça. 2007. 143 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15543
Data de defesa: 16-Mar-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Karin de Paula Slemenson.pdf1,18 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.