???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15044
Tipo do documento: Tese
Título: Proposta de intervenção com famílias de crianças e adolescentes institucionalizados
Autor: Martins, Sheila Regina de Camargo 
Primeiro orientador: Macedo, Rosa Maria Stefanini de
Resumo: O objetivo da investigação foi estudar efeitos de mudanças no sistema de significados compartilhados pelos diferentes atares envolvidos na atenção à infância e juventude institucionalizada sobre a condição cuidadora das famílias de tais jovens, com vistas à reinserção familiar. A pesquisa-ação foi realizada por meio de intervenções com os profissionais de uma instituição de abrigamento e com profissionais da rede de atendimento à infância e adolescência de uma cidade do interior do estado do Paraná, simultaneamente às intervenções com famílias dos jovens institucionalizados. Utilizamos o método qualitativo e a triangulação na análise dos dados, obtidas com base em entrevistas semi-estruturadas com os profissionais da casa-abrigo, pré e pós intervenções. Os resultados evidenciaram que o vinculo familiar de três das quatro famílias participantes foi mantido e que elas estão cuidando dos filhos com maior flexibilidade e autonomia. A quarta família reviu muitos dos estereótipos co-construídos na história familiar e na história compartilhada no contato com a rede de atendimento e vem adotando maior flexibilidade, apesar das dificuldades relacionais. Os profissionais entrevistados observaram que os filhos dessas famílias estão ingeridos na comunidade e protegidos pelos parentes. As análises revelam que os processos relacionais no sistema de atenção ao problema ofereceram um contexto favorável à modificação de procedimentos, que expressam mudanças de crenças sobre a condição cuidadora das famílias. Em decorrência das mudanças implementadas, o serviço de abrigamento adotou os principias propostas e está realizando um conjunto de atividades voltadas para a promoção de maior autonomia das famílias dos jovens abrigados. A rede de atendimento estabeleceu um processo de comunicação mais efetivo, co-construiu critérios de abrigamento com o planejamento de ações destinadas à reinserção familiar e comunitária dos jovens, e vem coordenando suas atividades no sentido de colaborar com a manutenção dos vínculos familiares e comunitárias das crianças e dos adolescentes. A população atendida pela instituição se modificou, com redução da freqüência de circulação dos jovens entre a casa, a rua,e o abrigo. Foi estabelecido um vinculo positivo das famílias dos beneficiários com o serviço de abrigamento, que está funcionando como referência de apoio social às crises subseqüentes que as famílias enfrentam no cotidiano de cuidados com seus filhos. Esse conjunto de resultados indica que mudanças de segunda ordem estão em processo no sistema de significados formado pelo problema, na medida em que se observa o efeito do apoio aos recursos positivos das famílias, com o aumento da sua flexibilidade relacionei no desempenho de suas funções de cuidado e proteção aos filhos. Isso colabora para que o processo recursivo que mantinha o status quo das famílias encontre crescente modificação pela ação de processos de retroalimentação de informações cujo significado promove mudanças na concepção anteriormente sedimentada, segundo a qual as famílias eram vistas e tratadas como o problema dos jovens institucionalizados e não como possuidoras de recursos positivos para colaborar com seu desenvolvimento
Abstract: The effects of changes in the significance system shared by different agents involved in the care of sheltered children and young people when cared by their families and aiming at their reinsertion in the family are analyzed. Simultaneously coupled to interventions with the families of sheltered young people, research activity was undertaken by means of interventions with officials of the shelter home concerned and with personnel of the child and teenager protection net work in a town in the interior of the state of Paraná, Brazil. The qualitative and the triangular analyses methods were employed to analyze data from the research activity by means of half-open interviews with personnel from the shelter home before and after interventions. Results showed that the family link of three out of the four participating families has been maintained. Actually the families take care of the children with more flexibility and independence. The fourth family revised most of the stereotypes built within its family history and in its history with the attendance network. In spite of difficult relationships, a more flexible relational level has been adopted. Personnel interviewed noted that the children under analysis were inserted within the community and protected by relatives. Analyses also showed that the relationship processes in the problem's caring system produced modifications of behavior that indicated change in beliefs with regard to the families' caring conditions. As a consequence of the above changes, the shelter home's service adopted the suggested principles and is undertaking a set of activities towards greater autonomy in the sheltered young people's families. The attendance network created a more effective communication process and co-constructed shelter home criteria by planning of activities for the young people's family and for their community reinsertion. It has also coordinating its activities so that children's and young people's family and community links may be maintained. The population attended by the home has actually been modified through a frequency decrease in the coming and going of young people from and to the home, street and institution. A positive link between the assisted families and the shelter home service has been established and is actually a reference for social support to further crises that families may have to face in their children's daily care. Results indicate that second order changes are in process within the problem-constituted significance system. This fact has been noted by comparing the effects originating from the support to the families' positive resources and an increase in the family's relational flexibility in its performance within the context of the children's care and protection. Consequently, the resource process that held the families' status quo is increasingly modified by data back-feeding processes. Their significance actually triggered changes within the formerly ingrained Idea according to which the families were seen and dealt with as problems with sheltered young people and not as having positive resources to collaborate en their personal development
Palavras-chave: Reinsercao familiar
Adolescente institucionalizado
Criancas -- Assistencia em instituicoes
Adolescentes -- Assistencia em instituicoes
Familia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Martins, Sheila Regina de Camargo. Proposta de intervenção com famílias de crianças e adolescentes institucionalizados. 2005. 368 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15044
Data de defesa: 30-Nov-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sheila Regina de Camargo Martins.pdf22,92 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.