REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Pós-Graduação em Literatura e Crítica Literária
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/14866
Tipo: Dissertação
Título: Carnavalização e paródia em Álbum de Família, de Nelson Rodrigues
Autor(es): Rodrigues, Sergio Manoel
Primeiro Orientador: Segolin, Fernando
Resumo: O presente trabalho estuda o gênero dramático, desde suas origens, as encenações ritualísticas dos antigos, até as principais manifestações teatrais da contemporaneidade. Centra-se, a seguir, no contexto brasileiro, ao tratar da obra teatral de Nelson Rodrigues, dramaturgo que inovou a linguagem cênica e instaurou a modernidade no teatro nacional, uma vez que, antes disso, as encenações em nosso país se apropriavam somente de comédias ou de textos estrangeiros. Por meio da investigação e da análise, esta pesquisa visa a desenvolver um estudo crítico de Álbum de família (peça escrita pelo referido autor, em 1945), com o objetivo de lançar luz sobre aspectos específicos da ação dramática do mencionado texto teatral, que se divide em dois planos narrativos que se contradizem. A dualidade e ambigüidade, inscritas no texto da peça, são discutidas e analisadas do ponto de vista de certos temas universais (adultério, incesto, violência, homossexualismo, prostituição, preconceito, machismo e pedofilia), considerados tabus pelos mais conservadores e postos em destaque por meio de procedimentos literários sobretudo a carnavalização e a paródia , com os quais o autor pretende desnudar o caos que aflige a sociedade e o homem contemporâneos. Tais procedimentos revelam um universo peculiar, em que instituições, como a família e a Igreja, têm suas funções postas em xeque pelas mazelas sociais e humanas. Além disto, por meio da crítica à sociedade e à família, Nelson Rodrigues procura desconstruir mitos, temas e ideologias que servem de fundamento ao teatro clássico e também à sociedade burguesa, ao mesmo tempo em que dialoga com outras manifestações teatrais, impondo-se, assim, como o criador de uma autêntica tragédia brasileira, carnavalizada, paródica e, acima de tudo, moralizante
Abstract: The present work studies the dramatic gender, since its origins, the ritual stages of the old ones, until the main theatrical manifestations of the contemporaneity. It is centered, afterwards, in the Brazilian context, when dealing with the theatrical workmanship by Nelson Rodrigues, playwright that innovated the scenic language and restored modernity in the national theater, a time that, before this, the stages in our country only appropriated of comedies or foreign texts. By means of the inquiry and of the analysis, this research aims at to develop a critical study of Album of family (play written by related author, in 1945), with the objective to bring specific aspects of the dramatic action of the mentioned theatrical text into the open, that divides itself in two narrative plans that contradict themselves. The duality and ambiguity, enrolled in the text of the play, are argued and analyzed for the point of view of certain universal subjects (adultery, incest, violence, homosexuality, prostitution, preconception, maleness and paedophilia), considered taboos for the more conservatives and ranks in prominence by means of literary procedures over all the carnival theory and the parody , with which the author intends to show the chaos that afflicts the contemporary society and the man. Such procedures disclose a peculiar universe, where institutions, as the family and the Church, have its functions put in check for social and human blemishes. Moreover, by means of the criticism to the society and the family, Nelson Rodrigues looks for to distort myths, subjects and ideologies that serve of ground to the classic theater and to the bourgeois society too, at the same time where he dialogues with other theatrical manifestations, imposing himself thus, as the creator of an authentic Brazilian tragedy, in agreement with the carnival theory and the parody and, above all, morality
Palavras-chave: Gênero dramático
Carnavalização
Dramatic gender
Carnival theory
Parody
Rodrigues, Nelson -- 1912-1980 -- Album de familia -- Critica e interpretacao
Teatro brasileiro (Literatura) -- Historia e critica
Carnaval
Parodia
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::LITERATURA COMPARADA
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Literatura
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Citação: Rodrigues, Sergio Manoel. Carnavalização e paródia em Álbum de Família, de Nelson Rodrigues. 2008. 120 f. Dissertação (Mestrado em Literatura) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14866
Data do documento: 27-Ago-2008
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Literatura e Crítica Literária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Sergio Manoel Rodrigues.pdf2,69 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.