???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13342
Tipo do documento: Dissertação
Título: Concepções evolutivas de Charles Darwin no Origin of Species e de Alfred Russel Wallace em Darwinism: um estudo comparativo
Autor: Carmo, Viviane Arruda do
Primeiro orientador: Martins, Lilian Al-Chueyr Pereira
Resumo: Os naturalistas britânicos Alfred Russel Wallace e Charles Darwin chegaram independentemente ao princípio da seleção natural e comunicaram seus resultados à Linnean Society de Londres em 1858. Trinta anos após a publicação do Origin of Species de Charles Darwin, Wallace publicou o Darwinism. O objetivo desta dissertação é comparar algumas concepções encontradas tanto no Origin of Species como no Darwinism incluindo a luta pela existência; a seleção natural; a sobrevivência do mais apto; a seleção sexual; o isolamento geográfico e a teoria do instinto, analisando suas semelhanças e diferenças. Por outro lado, este trabalho pretende dar uma idéia da contribuição de Wallace para a teoria da evolução. Esta dissertação contém uma introdução e cinco capítulos. O Capítulo 1 apresenta os precedentes evolucionistas e o contexto geral em que Darwin e Wallace apresentaram suas contribuições sobre o assunto. O Capítulo 2 analisa algumas concepções evolutivas presentes no Origin of Species. O Capítulo 3 analisa o mesmos aspectos que foram analisados no Origin em Darwinism. O Capítulo 4 oferece uma comparação entre as concepções presentes no Origin e em Darwinism enfatizando suas semelhanças e diferenças. O Capítulo 5 apresenta algumas considerações finais sobre o assunto. Este estudo levou à conclusão de que embora possam ser encontradas diversas semelhanças nos dois livros referentes a diversos assuntos tais como: a relevância da variabilidade para o processo evolutivo e sua transmissão aos descendentes; a importância da seleção natural; a importância do estudo da seleção artificial para a compreensão da seleção natural; a importância da extensão da área (que é mais relevante do que o isolamento geográfico) na produção de novas espécies, entre outras, pudemos também detectar diversas diferenças. Darwin e Wallace deram diferentes explicações para a presença de cores e ornamentos que diferenciam machos de fêmeas. Enquanto Darwin atribuía isso à seleção sexual através da escolha do macho pela fêmea, Wallace atribuía esta presença de cores e ornamentos à ação da seleção natural. Wallace alegava que algumas características físicas, mentais e morais do homem não poderiam ser explicadas através da ação da seleção natural como Darwin pensava. Wallace não aceitava a herança de caracteres adquiridos pelo uso e desuso como Darwin. Além disso, Wallace, contrariamente a Darwin, não aceitava a teoria dos instintos
Abstract: The British naturalists Alfred Russel Wallace and Charles Darwin reached independently the principle of natural selection and presented jointly their results to the Linnean Society of London in 1858. Thirty years after the publication of the Origin of Species by Charles Darwin, Wallace published Darwinism. The aim of this dissertation is to compare some conceptions found both in the Origin and Darwinism including struggle for life; natural selection; the survival of the fittest; sexual selection; geographical isolation; and the theory of instinct, analysing their similarities and differences. On the other hand, this work intends to provide an overview of Wallace s contribution to the evolution theory. This dissertation contains an introduction and five chapters. Chapter 1 presents the evolutionary precedents and the general context in which Darwin and Wallace presented their contributions concerning this subject. Chapter 2 analyses some evolutionary conceptions present in the Origin of Species. Chapter 3 analyses the same subject as presented in Darwinism. Chapter 4 provides a comparison between the conceptions found in the Origin and in Darwinism stressing their similarities and differences. Chapter 5 provides some final remarks on the subject. This study led to the conclusion that although several similarities between the two books may be found concerning several issues such as the relevance of the variability and its transmission to the offspring to the evolutionary process; the importance of natural selection; the relevance of the study of artificial selection to understand natural selection; the import of a widespread area (more important than the geographical isolation) in the production of new species among others, we could also detect several differences. Darwin and Wallace gave different explanations to the presence of colours and ornaments that differentiate the male and female sexes. While Darwin attributed them to the sexual selection through the choice of the male by the female, Wallace attributed them to the action of natural selection. Wallace claimed that some physical, mental and moral characteristics of man could not be explained through the action of natural selection as Darwin thought. Wallace did not accept the inheritance of acquired characteristics through use and disuse, as Darwin did. Besides that, Wallace did not accept that instincts could be inherited as Darwin believed
Palavras-chave: Charles Darwin
Alfred Russel Wallace
Luta pela existência
Charles Darwin
Alfred Russel Wallace
Natural selection
sexual selection
Struggle for life
Darwin, Charles -- 1809-1882 -- On the origin of species -- Critica e interpretacao
Wallace, Alfred Russel -- 1823-1913 -- Darwinism -- Critica e interpretacao
Evolucao (Biologia)
Selecao natural
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DAS CIENCIAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História da Ciência
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência
Citação: Carmo, Viviane Arruda do. Concepções evolutivas de Charles Darwin no Origin of Species e de Alfred Russel Wallace em Darwinism: um estudo comparativo. 2006. 113 f. Dissertação (Mestrado em História da Ciência) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13342
Data de defesa: 21-Jun-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao Viviane Arruda do Carmo.pdf845,78 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.