???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13319
Tipo do documento: Tese
Título: A Escola Politécnica e a transformação de São Paulo
Título(s) alternativo(s): The Polytechnic School and the transformation of São Paulo
Autor: Padilha, Rodrigo Bastos 
Primeiro orientador: Ferraz, Marcia Helena Mendes
Resumo: O Estado de São Paulo passou entre 1870 e 1920 por um intenso processo de transformação, que o converteu no Estado economicamente mais desenvolvido da Federação. Esta tese identificou os principais fatores que contribuíram para o sucesso do desenvolvimento paulista: características geográficas favoráveis; o acúmulo de capital proporcionado pela cafeicultura; a disponibilidade de uma ampla rede ferroviária conectada a um porto de alto calado; a energia hidrelétrica relativamente barata; a mão de obra propiciada pela imigração; e uma base tecnológica local mínima. Não é trivial quantificar o peso de cada um desses fatores no processo de transformação paulista, todavia pode-se afirmar que todos os países que passaram por um processo acelerado de desenvolvimento contaram com boas faculdades de engenharia. A transformação de São Paulo se apoiou na sua fase inicial em quatro instituições paulistas: o Liceu de Artes e Ofícios; a Escola Politécnica de São Paulo; a Escola de Engenharia Mackenzie; e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo. Os laboratórios da Politécnica e depois os do IPT fizeram os primeiros estudos e ensaios, que ofereceram subsídios aos projetos locais de engenharia. Os Professores e os engenheiros graduados pela Politécnica criaram os primeiros escritórios de engenharia genuinamente nacionais do Estado. Muitos deles fundaram ou se tornaram sócios de empreendimentos industriais e comerciais. A participação da Politécnica e dos politécnicos no desenvolvimento da nascente indústria química, da indústria metalúrgica e da indústria de transformação foi decisiva para a industrialização do Estado de São Paulo e também do Brasil
Abstract: Between 1870 and 1920, São Paulo State went through an intense transformation process that turned the State into the economically most developed State in the Federation. This thesis identified the main factors that contributed to the success in the State development: favorable geographic characteristics; wealth accumulation favored through coffee plantations; availability of an extensive railway system connected to a deep-water port; relatively cheap hydro-electricity; labor coming from immigration; and a minimum local technological basis. It is not trivial to quantify the weight to be given to each of the mentioned factors related to the São Paulo development, however it may be stated that all countries that went through an accelerated development process had good engineering faculties. The development of São Paulo relied on its initial stage on four institutions, namely: the Arts and Crafts Lyceum; the Polytechnic School of São Paulo; the Mackenzie Engineering College; and the Institute of Technological Research (IPT). The laboratories of the Polytechnic School and later of the IPT conducted the first studies and tests that provided subsidies to the local engineering projects. The academic staff and the graduated engineers from the Polytechnic School created the first genuine national engineering bureaus in the State. Several founded or became partners in industrial and commercial enterprises. The participation of the Polytechnic School and of the graduated engineers in the development of the starting-up of chemical, metallurgical and transformation industries has been decisive to the industrialization of the State of São Paulo and of Brazil
Palavras-chave: Engenharia no Brasil
Escola Politécnica de São Paulo
Desenvolvimento de São Paulo
History of science
Engineering in Brazil, São Paulo Polytechnic School
São Paulo development
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA DAS CIENCIAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História da Ciência
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência
Citação: Padilha, Rodrigo Bastos. The Polytechnic School and the transformation of São Paulo. 2015. 153 f. Tese (Doutorado em História da Ciência) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13319
Data de defesa: 16-Sep-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História da Ciência

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rodrigo Bastos Padilha.pdf5,7 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.