???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13107
Tipo do documento: Dissertação
Título: Entidades africanas em "troca de águas": diásporas religiosas desde o Ceará
Autor: Bandeira, Luís Cláudio Cardoso 
Primeiro orientador: Antonacci, Maria Antonieta Martinez
Resumo: Esta dissertação, dentro de perspectivas dos Estudos Culturais, tem como ponto de partida investigar tradições culturais africanas no Ceará, tendo como foco nações de Candomblé ligadas aos cultos Nagô-Vodum e Ketu, atuantes na Grande Fortaleza. Na perspectiva de apreender laços identitários, historicamente construídos, em rotas e raízes , ao historiografar os terreiros Ilê Igba Possun Azeri, Ilê Osun Oyeyé Ni Mó e Ilê Axé Oloyoba, que, segundo depoimentos de babalorixás, yalorixás e iniciados, são casas fundadoras desses cultos em Fortaleza, procuramos perceber a presença negra no Estado do Ceará e a cultura religiosa desenvolvida através de suas irmandades, festas, danças, reisados, maracatus, em diversificadas manifestações culturais religiosas. Através de circuitos diaspóricos deixaram um legado afrocearense que se manifesta através de cultos afro-brasileiros presentes na grande Fortaleza através da Macumba, Umbanda e Candomblé. Ao identificarmos as características básicas das religiões e tradições afro-diaspóricas no Ceará, que antecedem o candomblé, deparamo-nos com indícios de memórias e percursos trilhados por mães-de-santo (yalorixás) em movimentos nacionais e transatlânticos. Nesse sentido, fomos impelidos a acompanhar essas rotas que, em constante fluxo e refluxo de identidades e religiosidades nos fizeram cruzar o Atlântico negro e desembarcar em Portugal, onde construímos o objetivo de contar a história de três terreiros de candomblé, localizados na Grande Lisboa: Ilê Omo Orixá de Oyá Kuitéchina Oba, Ilê de Xangô Obagodô e o Ilê Palácio de Iemanjá. Procuramos compreender embates, tensões e circuitos diaspóricos na instauração do Candomblé em solo português, além da expansão de religiões afro-brasileiras em processos de transnacionalização, sendo que, tal fenômeno, em terras lusitanas, está intrinsecamente relacionado com migração femininas portuguesas
Abstract: This dissertation, inside of perspectives of the Cultural Studies, has as starting point to investigate African cultural traditions in the Ceará, with focus on nations of Candomblé linked to the cults Nagô-Vodum and Ketu, operating in Great Fortaleza. In the perspective to apprehend identity bows, historically constructed, in routes and roots , when researching the terreiros Ilê Igba Possun Azeri, Ilê Osun Oyeyé Ni Mó and Ilê Axé Oloyoba, that, according to depositions of babalorixás, yalorixás and initiates, are founding houses of these cults in Fortaleza, we sought to perceive the black presence in the State of Ceará and the religious culture developed through its brotherhoods, parties, dances, reisados, maracatus, in diversified religious cultural manifestations. Through diaspóricos circuits they had left a legacy afro-cearense that was manifested through cults afro-Brazilians gifts in great Fortaleza through the Macumba, Umbanda and Candomblé. When identifying the basic characteristics of the religions and afro-diaspóricas traditions in the Ceará, that precede candomblé, we come across with indications of memories and passages trod for mother-of-saint (yalorixás) in national and transatlantic movements. Thus, we were impelled to follow these routes that, in a constant flow and reflow of identities and religiosity, moving us to cross the black Atlantic and to disembark in Portugal, where we constructed the objective to count the history of three terreiros of candomblé, located in the Great Lisbon: Ilê Omo Orixá de Oyá Kuitéchina Oba, Ilê de Xangô Obagodô and Ilê Palace of Iemanjá. We look for to understand struggles, diasporic tensions and circuits in the instauration of the Portuguese Candomblé, beyond the expansion of afro-Brazilians religions in transnationalization processes, in a way that, such phenomenon, in portuguese lands, is intrinsically related with portuguese female migration
Palavras-chave: Diáspora
Religiões afro-cearenses
Africanidades em trânsito luso-afro-brasileiro
Afro-cearenses religions
Africanities
Africanos -- Diaspora
Candomble -- Ceara, CE
Cultos afro-brasileiros -- Ceara, CE
Negros -- Ceara, CE
Umbanda -- Ceara, CE
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Bandeira, Luís Cláudio Cardoso. Entidades africanas em "troca de águas": diásporas religiosas desde o Ceará. 2009. 166 f. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13107
Data de defesa: 30-Jan-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luis Claudio Cardoso Bandeira.pdf23,38 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.