???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13089
Tipo do documento: Dissertação
Título: A festa e o movimento tropeirista em Silveiras: a cidade esquecida, a cidade relembrada
Autor: Ribeiro, Luana Manzione 
Primeiro orientador: D'Alessio, Marcia Barbosa Mansor
Resumo: A sociedade atual sofre com a gradativa perda de memória , devido ao excesso e rapidez com que as informações chegam e se vão. Esta perda de memória pode ser percebida quando contabilizamos o número de grupos que se reúnem em prol da exaltação e fortalecimento de sua cultura, origens e história. Neste estudo buscamos compreender os caminhos utilizados por estes grupos, que se sentem à margem da história e, como emergem os processos de reconstrução da memória. Os processos são sempre pautados na escolha de ícones que sejam representativos para o grupo proponente. E, a partir desta escolha são construídos espaços que façam referência à determinada cultura e sua história, a fim de instaurar e propagar uma memória comum à sociedade em que este grupo está inserido. Foi interessante percebermos que muitos destes movimentos surgem a partir da década de 1980 e que estes reconstroem suas histórias e memórias com base em seu passado e, buscando recuperar experiências tradicionais, consideradas autênticas, como uma forma de se distinguirem de uma cultura hegemônica que tenta inculcar na sociedade que o desenvolvimento e a modernidade oferecem tudo aquilo que o homem necessita. Esta cultura faz com que grupos e comunidades que não acompanham as transformações efêmeras trazidas pela modernização sejam vistos como um incômodo e um atraso, o que gera um sentimento de ressentimento e a ânsia destes grupos em mostrar a multiplicidade de culturas existentes e sobreviventes. Partindo desta leitura, escolhemos o munícipio de Silveiras, localizado na região do Vale do Paraíba do Sul, no Estado de São Paulo para discutirmos estas questões. Na cidade ouvimos e aprendemos a importância e os significados da memória para grupos como os silveirenses que pautaram a recuperação de sua memória num dos sujeitos históricos que foi responsável pela fundação da cidade, o tropeiro, através de comemorações e espaços construídos em sua homenagem
Abstract: Today s society suffers a gradual loss of memory , because of the excess of information and velocity at which it comes and goes. This loss of memory can be perceived when we count the number of the groups that gather to exalt and fortify their culture, origins and history. In this study we search to comprehend the methods used by these groups, which feel historically marginalized, and how the processes of rebuilding memory emerge. The processes are always based on choices of icons that are a reference for determined cultures and their history, with the objective of establishing and propagating a common memory for the society that this group is inserted. Interestingly, we perceived that many of these movements have appeared since the 1980 s, and that they rebuilt their history and memories based on their past, searching to recover tradicional experiences, considered authentic, as a way to be different from a hegemonic culture that tries to convince society that development and modernity offers everything that man might need. This culture causes the groups and communities that do not follow the fast changes brought by modernization to be seen as bothersome and antiquated, which generates a feeling of resentment and an anxiety in these groups to demonstrate the multiplicity of existing and surviving cultures. From this literature, we have chosen the municipality of Silveiras, located in Vale do Paraíba do Sul in the state of São Paulo, to discuss these issues. In Silveiras we heard and learned of the importance and the meanings of the memory of these groups that base the recovery of their memory on one of their historical figures, who was the founder of the city, the tropeiro , through the celebrations and places built in his honor
Palavras-chave: Memória
História oral
Fiest
Tropeiro
Memory
Oral history
Tropeiros
Festas
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Ribeiro, Luana Manzione. A festa e o movimento tropeirista em Silveiras: a cidade esquecida, a cidade relembrada. 2005. 145 f. Dissertação (Mestrado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13089
Data de defesa: 19-May-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luana Manzione Ribeiro.pdf1,37 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.