???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12768
Tipo do documento: Tese
Título: O Desencantamento das Ciências: Estereótipos e Ambigüidades das Ciências e Tecnociências no Cinema e na Literatura Científica
Autor: Dutra, Roger Andrade
Primeiro orientador: Sant'anna, Denise B. de
Resumo: Nesta Tese trabalhamos como seu deu a institucionalização da produção científica no Brasil. Empreendemos análises sobre as ações da SBPC e dos cientistas que falavam em seu nome de modo a salientar a existência, já desde a sua fundação, de comportamento de caráter transnacional, consubstanciado na primazia da externalidade absoluta da ciência em relação às nacionalidades. Também exploramos diversas relações de afinidade entre o sistema de produção de conhecimento científico e tecnocientífico, o cinema e o comportamento do modo de produção capitalista. O momento no qual se começa a consolidar o sistema de produção de conhecimento no Brasil, segundo as restrições e demandas impostas pelo recurso à justificativa da colaboração para a construção do Estado nação, é o mesmo no qual a produção tecnocientífica começa a revelar suas preferências por um sistema transnacionalizado de troca e elaboração de conhecimento. Abordamos o papel do cinema como veículo de temas simbólicos e imateriais imprescindíveis ao desenvolvimento da tecnociência globalizada. Escolhemos o cinema em razão de seu caráter transversal e potencial transdisciplinar, implícitos ao trânsito contínuo dos bens simbólicos. Abordamos os estereótipos dos cientistas quanto à sua maleabilidade e facilidade de apropriação por parte do complexo tecnocientífico, sem que eles pareçam ser de fato manipulados pelos cientistas e tecnocientistas. Por último, discutimos como a eugenia renova-se em um ambiente político asséptico, no qual o nazismo ou parece ser apenas história ou revive nos comportamentos estereotípicos de jovens neonazistas expressando um racismo chão e ultrapassado; discutimos também sobre a necessidade e a possibilidade de instituírem-se democraticamente limites impositivos aos desenvolvimentos tecnocientíficos.
Abstract: In this Thesis we work as it s gave the institutionalization of the scientific production in Brazil. We undertake analyses on the actions of the SBPC and the scientists who spoke in its name in order to point out the existence, already since its foundation, of behavior of transnational character, consolidated in the priority of the absolute externalidade of science in relation to the nationalities. In addition, we explore diverse relations of affinity between the system of production of scientific and technoscientific knowledge, the cinema and the behavior in the way of capitalist production. The moment in which if starts according to consolidate the system of production of knowledge in Brazil restrictions and demands, imposed for the resource to the justification of the contribution for the construction of the State nation, is the same which the technoscientific production does not start to disclose to its preferences for a transnational system of exchange and elaboration of knowledge. We approach the paper of the cinema as vehicle of essential symbolic and incorporeal subjects to the development of the global technoscience. We choose the cinema in reason of its transversal and potential character to transdisciplinar, implicit to the continuous transit of the symbolic goods. We approach the stereotypes of the scientists how much to the malleability and easiness of it appropriation on the part of the technoscientific complex, without that they seem to be of fact manipulated by the scientists and technoscientists. Finally, we argue as the eugenics renews if in an environment aseptic politician, which Nazism or seems to be "only history" or revive in the stereotypes behaviors of young neo-Nazis expressing racism exceeded and soil; we also argue on the necessity and the possibility democratically to institute if imposing limits to the technoscientifics developments.
Palavras-chave: Tecnociências
Cinema
História
Eugenia
Ciências, Cientistas
Estereótipos dos Cientistas
SBPC
Ciência
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA::HISTORIA MODERNA E CONTEMPORANEA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: História
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em História
Citação: Dutra, Roger Andrade. O Desencantamento das Ciências: Estereótipos e Ambigüidades das Ciências e Tecnociências no Cinema e na Literatura Científica. 2005. 237 f. Tese (Doutorado em História) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12768
Data de defesa: 18-Oct-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DesencantamentodasCiencias.pdf4,66 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.