???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12598
Tipo do documento: Dissertação
Título: Qualidade de vida em idosos portadores de lombalgia
Título(s) alternativo(s): Quality of life in elderly with lumbar pain
Autor: Pereira, Mário César da Silva 
Primeiro orientador: Canineu, Paulo Renato
Resumo: O envelhecimento populacional traduz-se como um fenômeno global, tornando-se causa da transformação na estrutura social e econômica da sociedade moderna. A ONU, Organização das Nações Unidas, na 2ª Assembléia Mundial sobre o Envelhecimento realizada em Madri no ano de 2002 buscou a integração de vários segmentos sociais com a velhice. Ressalta-se a projeção de que para o ano de 2050 o número de idosos deverá superar o número de jovens de até 15 anos, o que provocará importante impacto sócio-econômico. O Brasil, segundo o censo demográfico realizado pelo IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 2006 apresentou a marca de 19 milhões de idosos, ou seja, 10,2% da população total com a previsão para o ano de 2020 de 30 milhões, 13% do total. Longevidade e qualidade de vida estão cada vez mais ligadas. Deve-se entender que qualidade de vida engloba as ações nas áreas da saúde, economia, política e social. Conseqüentemente com o aumento da expectativa de vida que situa-se atualmente em 72 anos a tendência é uma presença mais significativa das doenças crônicas e degenerativas pois a faixa etária de maior crescimento é a de 80 ou mais anos de idade. O presente estudo, de característica qualitativa, tem como objetivo geral avaliar a qualidade de vida em dez idosos na faixa etária de 60 a 80 anos de idade portadores de lombalgia atendidos em uma Clínica de Fisioterapia na cidade de Guarapuava, Paraná, pois em levantamento realizado pelo Ministério da Saúde no ano de 2000 a principal causa de incapacidade na população idosa foi a dor nas costas. Para tal, observou-se o impacto desta patologia após a realização de uma entrevista semi-estruturada e aplicação de questionário SF-36 que tratam respectivamente da conceituação e correlações da dor na coluna lombar e qualidade de vida. A média de idade total sitou-se em 71 anos, predomínio do gênero feminino na proporção de 8 mulheres para 2 homens. Apesar de 70% apresentaram qualidade de vida próxima e acima da normalidade e com a melhor pontuação, ou seja, os aspectos sociais, o que preocupa é a observação de uma pontuação de zero nos itens aspectos emocionais e aspectos físicos para algumas avaliadas. De um modo geral quase a totalidade ou seja 9 dos 10 investigados conheciam o conceito e localização da lombalgia que teve como causa principal os traumatismos
Abstract: Populacional aging is a worldwide phenomenon that has been cause changes in the economic and social structure of modern societies. The UNO,United Nations Organization, in its 2nd Word Assembly about elderly held in Madrid 2002 aimed to integrate several social grades within the issue. It is worth note that word's projections indicate that by the 2050 year the number of old people will be greater than youth people less than fifteen years old and this fact will cause important social and economic transformations. The second Brazilian demographic census conducted by IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, in 2006 revealed 19 million of aged people, representing 10,2% of the total population, with an estimate for 2020 of 30 million of old people or 13% of the total population. Longevity and quality of life are becoming much more into close association. It should be understood that life quality encompass actions in health, economy, politics and social areas. As a consequence of the increase in life expectancy, nowadays averaging 72 years, there should be a more significant tendency toward the presence of chronicle and degenerative diseases, because 80 years old or beyond are the age groups with the biggest disease growth rate. The present study has a general goal to evaluate qualitatively the life quality in ten elderlies, ranging in age between 60 and 80 years old suffering of lumbar pain and adverted in a physical therapy clinic, located in Guarapuava, Paraná. The motivation to perform the study was data obtained by the Brazilian Health Ministry in 2000 indicating that back pain was the main cause of incapacity. A semi structured interview and a SF-36 questionnaire was applied to observe the impact of these disease and to connect concepts and relations of lumbar pain and quality of life. Despite 70% of research subjects demonstrate quality of life near and above normal values, with good performance for the social aspect. Nevertheless, some aspects brings concern, such as the zero score in emotional and physicals aspects found in some questionnaires. However, in general, almost all subjects (nine out ten) knew the concept and localization of lumbar pain mattered by trauma
Palavras-chave: Idoso
Lombalgia
Elderly
Lumbar pain
Quality of life
Dor lombar
Envelhecimento
Qualidade de vida
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Gerontologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia
Citação: Pereira, Mário César da Silva. Qualidade de vida em idosos portadores de lombalgia. 2009. 100 f. Dissertação (Mestrado em Gerontologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12598
Data de defesa: 3-Dec-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Mario Cesar da Silva Pereira.pdf447,42 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.