???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12530
Tipo do documento: Dissertação
Título: O cotidiano dos idosos na instituição assistencial Nosso Lar do município de Santo André
Autor: Avelar, Maria Cristina de Mello 
Primeiro orientador: Medeiros, Suzana Apparecida da Rocha
Resumo: Nesta pesquisa, estudou-se o cotidiano de uma instituição de longa permanência para pessoas idosas, a Instituição Assistencial Nosso Lar , localizada no município de Santo André, na região Metropolitana de São Paulo. Com base na fala de seus residentes, procurou-se identificar, por meio desta pesquisa de campo, elementos que pudessem contribuir para a reflexão e o debate sobre o atendimento asilar. Na literatura, encontraram-se reflexões acerca da institucionalização das pessoas idosas, mediante categorias de análise, como: Conceitos de Velhices; o Papel da Família; o Cotidiano; a Casa; e a Instituição Asilar (aqui também denominada indistintamente de asilos, casas de repouso, abrigos e clínicas geriátricas). Porém, o objetivo desta pesquisa foi conhecer melhor o cotidiano dos residentes de uma instituição asilar, discutindo-o de acordo com a revisão da literatura. Foram realizadas visitas de observação na Instituição Assistencial Nosso Lar , para capturar dados de sua rotina, tendo sido realizadas seis entrevistas com seus residentes (três senhoras e três senhores), todos com 60 anos ou mais de idade, para saber a opinião sobre o cotidiano asilar e, portanto, o dia-a-dia das pessoas. Como principal conclusão, a pesquisa demonstrou que os residentes se adaptaram à Instituição de forma diferenciada, gerando percepções distintas sobre suas condições atuais na casa. Esse resultado também é sustentado pela literatura, na qual expõe-se sobre as diferentes maneiras de envelhecer, influenciadas pela história de vida de cada pessoa (incluindo suas relações familiares, de amizade, com sua rotina de vida e suas moradias). As diferenças no processo de adaptação ainda estão associadas às condições particularmente difíceis vivenciadas por essas pessoas, antes da institucionalização. Em todos os casos, o ingresso à Instituição é apresentado como uma alternativa. Contudo, através desta pesquisa, demonstrou-se que, na verdade, antes de ser uma alternativa, a institucionalização se apresenta como uma falta de alternativa, isto é, como última possibilidade de moradia, dadas as condições precárias, tanto financeiras, quanto de saúde ou de vínculos familiares, de cada um
Abstract: This research studied the daily life of a given long-permanence institution for senior people, Instituição Assistencial Nosso Lar , located in the city of Santo André in the Metropolitan region of São Paulo, Brazil. Based on field research and dialogues with its residents, the aim was to identify elements that can contribute to the debate related to the services offered by those asylums. The literature proposes thinking about the institutionalization of old people through analytical categories such as: the different concepts of Aging; the Family s role; the Daily life; the House; and the Long-Permanence Institutions (here also indistinctly called asylums, resting or sheltering houses, and geriatric clinics). This research intends to better understand the daily life of the studied institution, discussing it under the guidance of main authors. Observing visits were carried out in the Instituição Assistencial Nosso Lar , capturing data regarding its routine. Six interviews were made with the residents (three ladies and three men), all aged 60 years or more, asking their opinion about their daily life in the institution as well as their day-by-day relations with other persons. As the main conclusion, the research demonstrated that each resident has adapted differently to the studied institution, producing dissimilar perceptions about their own current conditions at the house. Such result is also supported by the literature, which talks about singular aging forms, influenced by the history of life of each person (including familiar relations, friendships, and different routines of life at past dwellings). The differences in the adaptation process are also associated to the particularly difficult circumstances experienced by each of the interviewed persons before their institutionalization. In all the cases, the arrival to the Institution is presented as an alternative. Nevertheless, the research showed that, in fact, rather than an alternative, the institutionalization represented for those persons the lack of alternative, i.e. the last housing option given their precarious financial and health conditions, as well as their poor familiar bonds
Palavras-chave: Instituição de longa permanência
Idosos
Moradia
Cotidiano asilar
Long-permanence institutions
Elders
Housing
Asylums daily life
Asilo para idosos
Instituicao Assistencia "Nosso Lar" (Santo Andre, SP)
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Gerontologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia
Citação: Avelar, Maria Cristina de Mello. O cotidiano dos idosos na instituição assistencial Nosso Lar do município de Santo André. 2007. 128 f. Dissertação (Mestrado em Gerontologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12530
Data de defesa: 12-Dec-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Cristina de Mello Avelar.pdf814,41 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.