???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12334
Tipo do documento: Dissertação
Título: Uma geografia do cinema: imagens do urbano
Título(s) alternativo(s): A geography of the cinema: urban images
Autor: Bluwol, Dennis Zagha 
Primeiro orientador: Santos, Douglas
Resumo: A presente pesquisa constitui uma análise sobre o Cinema a partir de um olhar geográfico, ou seja, identificando a maneira como o Cinema constrói a espacialidade de suas imagens e averiguando seus porquês, que estão vinculados à discussão de aspectos da experiência espacial do urbano na modernidade . Para tal feito, alguns filmes de diferentes épocas e lugares são analisados: Um Homem com uma Câmera (Chelovek s Kino-Apparatom, direção de Dziga Vertov, 1929, URSS). M O Vampiro de Düsseldorf (M, direção de Fritz Lang, 1931, Alemanha). O Processo (The Trial, direção de Orson Welles, 1962, França, Itália e Alemanha) Cidade dos Sonhos (Mulholland Drive, direção de David Lynch, 2001, USA) Justifica-se a pesquisa pela abertura de possibilidades de discussões epistemológicas e ontológicas advindas da relação entre esses dois campos de conhecimento no sentido de contribuir para a compreensão da geograficidade da vida urbana. São analisadas as relações entre a geograficidade dos filmes (a espacialidade de suas imagens) e a geograficidade de fato vivida pelos habitantes de centros urbanos nas épocas de produção dos filmes. A pesquisa parte da análise dos filmes, relacionando-os com bibliografia condizente. Trata-se de tentar compreender o mundo urbano moderno a partir do modo como os filmes são construídos, especialmente em suas geograficidades
Abstract: The present research analyses Cinema from a geographic point of view. In this way, it identifies the means by which Cinema builds the spatiality of its images and inquires the connection of cinematographic narrative and the discussion of some aspects of the spatial experience related to the urban in the modernity . In order to compose theses reflections, the following films of different period and contexts are analyzed: The Man with a Movie Camera (Chelovek s Kino-Apparatom), directed by Dziga Vertov, 1929, Soviet Union. M , directed by Fritz Lang, 1931, Germany. The Trial , directed by Orson Welles, 1962, France, Italy and Germany. Mulholland Drive , directed by David Lynch, 2001, the USA. The research is justified by the opening of possibilities of epistemological and ontological discussions that come up from the relation between these two knowledge areas in the sense of contributing to the comprehension of the urban geographical life. The relations between the geographycity of the films (the spatiality of their images) and the geographycity in fact lived by the inhabitants of urban centers at the time of the production of the analyzed films. The aim of this research is to analyze the above-mentioned films with the support of proper bibliography. The main question is try to understand the modern urban world from the way those films are constructed, considering especially their geographycity
Palavras-chave: Cinema
Urbano
Geography
Urban
Cidades e vilas no cinema
Critica cinematografica
Geografia urbana
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::GEOGRAFIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Geografia
Programa: Geografia
Citação: Bluwol, Dennis Zagha. A geography of the cinema: urban images. 2008. 120 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12334
Data de defesa: 4-Sep-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Geografia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dennis Zagha Bluwol.pdf3,33 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.